'Curta Pinhais' tem mais de 100 produções inscritas e exibe filmes de 13 estados

06/07/2021


O evento foi realizado por meio do canal do Youtube Semel - Cultura, Esporte e Lazer



O Festival de Cinema "Curta Pinhais" (Festcine) chegou a sua nona edição e, com as medidas restritivas impostas pela pandemia, ocorreu em um novo formato.


Promovido pela Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer (Semel), o evento foi realizado entre os dias 18 e 28 de junho, por meio do canal do Youtube Semel - Cultura, Esporte e Lazer Pinhais.


O Festcine acontece anualmente e hoje já se tornou de alcance internacional. Este ano, foram 111 produções inscritas, sendo selecionados para exibição e concorrência 86 filmes: oito animações, oito clipes musicais, 19 curta-metragens documentários, 49 curtas da categoria de ficção e dois longas-metragens.


O Festival teve alcance em 13 Estados e 26 cidades brasileiras e contou com as seguintes categorias de premiação: Curta-Metragem de Ficção, Curta-Metragem de Documentário, Longa-Metragem, Curtas de Animação, Clipe Musical, Filme Destaque Pinhais (para valorização dos artistas locais) e Prêmio Especial do Júri "Macuquinho Dourado".


A cerimônia de premiação, conduzida pela chefe da Seção de Apoio a Eventos e Oficinas Culturais, Kelly Farah Reichelt, aconteceu ao vivo e contou com a presença da diretora de Cultura, Haline Siroti; além da participação on-line da prefeita Marli Paulino; da vice-prefeita, Rosa Maria e do secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Bruno Sitima.


Para a prefeita, Marli Paulino, governar tem como foco principal realizar o bem comum com responsabilidade, alcançando melhoria da qualidade de vida da comunidade. "A cultura faz parte desse caminho socioeconômico próspero que Pinhais tem alcançado", ressaltou.


A vice-prefeita, Rosa Maria, destacou o fato de que "a cultura é instrumento fundamental e estratégico para o desenvolvimento econômico, social e humano, e Pinhais tem se esforçado muito para valorizar cada manifestação cultural".


A diretora de Cultura, Haline Siroti, salientou a importância desta área ser "ato de resistência e da infinita vontade, enquanto gestora, de transformar o mundo e solucionar dificuldades por meio da arte e da movimentação cultural na cidade''.


Para o secretário da Semel, Bruno Sitima, a arte - em especial o cinema - tem estado muito presente na vida das pessoas nesse momento de isolamento e distanciamento social. "Sabemos que fazer cinema no Brasil é muito difícil e em Pinhais temos incentivado estes profissionais. O Festcine, primeiro grande evento anual do Departamento de Cultura, é um festival que cresce a cada edição e projeta a nossa cidade para todo o país", completa.


Este ano, o evento também surpreendeu com a grande movimentação no chat e a participação do povo manauara que recebeu Menção Honrosa com as produções: "Merenda", "Tá quente" e "Escola da Minha Vida".


Festcine


O Festival é uma realização da Prefeitura de Pinhais, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer e do Departamento de Cultura, e tem por objetivo despertar maior interesse pela sétima arte em todas as suas formas, seja do público escolar e da comunidade em geral; estimular o desenvolvimento do mercado para os amadores que atuam na área; dar visibilidade às produções amadoras e independentes; e proporcionar possibilidades para novos talentos, além de promover intercâmbio entre artistas, produtores, diretores, distribuidores, público e entidades culturais afins de todo o território nacional.


Confira os vencedores por categoria:


1- Melhor Filme Animação:

Nomad - Direção: Gabriel Aleluia, Gabriel Zanferrari, Nikollas Candido e Victor Kuroiwa;


2- Clipe Musical

Corpo a Corpo (Canto Cego) - Direção: Jessika Goulart


3- Roteiro Documentário

Retrato Falado - Luis Bonin e Oda Rodrigues


4- Direção Documentário

Copacabana Madureira - Leonardo Martinelli


5- Melhor Filme Curta-Metragem Documentário

Retrato Falado - Direção: Luis Bonin e Oda Rodrigues


6- Filme Destaque Pinhais

O Ritmo Que Salva (Categoria Curta-metragem Documentário) - Direção: Ivy Sumini


7- Desenho de som - Ficção

O Prazer de Matar Insetos - Caio Alvasc e Roberto Crivano


8- Fotografia - Ficção

O Prazer de Matar Insetos - Leonardo Martinelli e Sofia Leão


9- Roteiro ficção

Nada de Bom Acontece Depois dos 30 - Lucas Vasconcelos


10- Direção Ficção

Narratal de Faz de Contos - Diego Rezende


11- Melhor Ator - Curta-metragem de Ficção

O Padre e o Bento - Paulo Matos, como "Bento"


12- Melhor Atriz - Curta-metragem de Ficção

Sunflower - Raquel Rizzo, como "Mãe"


13- Melhor Ator - Longa-metragem

Fábio Campos, como "Leon"


14- Melhor Atriz - Longa-metragem

Mariana Abreu, como "Pati";


15- Melhor Ator/Atriz Mirim

Narratal de Faz de Contos - Diego Giusti, por "Juca"

Parabéns a Você - Mônica Christo, como "Yiúlia"


16- Melhor Filme Curta-Metragem ficção

Nada de Bom Acontece Depois dos 30 - Direção: Lucas Vasconcelos


17- Melhor Filme Longa-Metragem

Incursão - Direção: Eduardo P. Moreira e Silvio Toledo


18- Prêmio Juri Especial

Tempo Difíceis (Categoria Curta-metragem Ficção) - Direção: Flávio Colombini

Últimas Notícias