Começa o julgamento de acusado de matar Tatiane Spitzner

10/02/2021


Esposa do réu foi encontrada morta após queda do 4º andar



O júri popular de Luis Felipe Manvailer, marido acusado de ter matado a advogada Tatiane Spitzner, começou nesta quarta-feira (10) no Fórum de Guarapuava, na região central do Paraná, a partir das 9h.


O júri popular de Luis Felipe Manvailer, marido acusado de ter matado a advogada Tatiane Spitzner, começou nesta quarta-feira (10) no Fórum de Guarapuava, na região central do Paraná, por volta das 9h20.


Manvailer chegou ao fórum em um carro do Departamento Penitenciário do Paraná por volta das 8h30. Familiares e amigos de Tatiane fizeram um protesto no local, pedindo a condenação do réu.


Tatiane Spitzner foi encontrada morta na madrugada do dia 22 em julho de 2018, após queda do 4º andar do apartamento em que morava com o réu, na cidade.


Preso há dois anos e seis meses na Penitenciária Industrial de Guarapuava, Manvailer responde por homicídio qualificado - com as qualificadoras de feminicídio, motivo fútil e morte mediante asfixia. Ele também é acusado por fraude processual.


O sorteio dos membros do júri popular abriu o julgamento, por volta das 9h20. Foram sorteadas sete pessoas para o conselho de sentença, ficando o júri formado por seis homens e uma mulher.


Manvailer entrou na sala do julgamento para acompanhar o depoimento das testemunhas de acusação e defesa.


Por volta das 10h50, começou o depoimento da primeira testemunha, de acusação, por videoconferência.

Publicidade

Últimas Notícias

4 de Março de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais Certificados

Siga Jornale

  • Pinterest
  • Tumblr Jornale