Bolsonaro oficializa saída de nove ministros nesta quinta-feira (31)

31/03/2022


Todos os ministros devem concorrer nas eleições de outubro



Nove ministros deixam os cargos nesta quinta-feira, dia 31, durante cerimônia no Salão Nobre do Palácio do Planalto, às 10h. Todos devem concorrer nas eleições deste ano.


A lei determina que integrantes do Executivo devem deixar as funções em até seis meses antes do pleito.


Os ministros saem para disputar cargos para governos de Estados, Senado e Câmara dos Deputados. A maioria será substituída por os atuas secretários-executivos.


As exonerações, todas a pedido, foram publicadas no DIário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (31).


Os ministros que anunciaram que estão se despedindo são:


- Damares Alves, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos;

- Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura;

- Onyx Lorenzoni, do Trabalho e Previdência;

- Marcos Pontes, da Ciência e Tecnologia;

- Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional;

- Tereza Cristina, da Agricultura;

- Flávia Arruda, da Secretaria de Governo;

- João Roma, da Cidadania;

- Gilson Machado, do Turismo;

Últimas Notícias