Assembleia debate projeto para o transporte metropolitano

Proposta prevê auxílio às empresas de ônibus que atendem a RMC

A Assembleia Legislativa começou a debater na sessão plenária remota desta quarta-feira (12) a proposta que cria o “Programa Cartão Social” do transporte metropolitano do Governo do Paraná. O projeto assinado pelo Poder Executivo tem como objetivo aportar recursos necessários para a continuidade do funcionamento do sistema de transporte coletivo integrado metropolitano e oferecer auxílio aos moradores que precisam se deslocar para a procura de emprego.


Na CCJ a proposta recebeu parecer favorável emitido pelo relator, deputado Nelson Justus (DEM). No entanto, o deputado Tadeu Veneri (PT) pediu vista ao parecer e, com isso, a matéria retorna à pauta de votações na próxima segunda-feira (17), uma vez que tramita em regime de urgência. O projeto também aguarda os pareceres das Comissões de Finanças e Tributação, e de Obras Públicas, Transportes e Comunicação.


De acordo com o Poder Executivo, o programa irá distribuir créditos por meio do “Cartão Social” para os moradores das cidades atendidas pela Rede Integrada de Transporte Metropolitano (RITM). Cada crédito eletrônico do cartão, segundo o projeto, terá o valor correspondente a uma tarifa pública vigente no sistema de transporte público da Região Metropolitana de Curitiba e somente.

22 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest