Antoine Douglas, do abandono ao encontro familiar nos ringues

Embora o nome de Antoine Douglas possa não ser familiar para todos, sua história é como muitas outras que já ouvimos inúmeras vezes

Douglas nasceu em Washington D. C. Sua mãe viciada em drogas, aos três anos de idade foi internado pelo Departamento de Serviços Infantis. Ele foi tirado de sua mãe e foi adotado por vários membros da família, que não conseguiram mostrar-lhe o amor, proteção e carinho que ele precisava.

Na verdade, Douglas foi negligenciado e muitas vezes abusado, até encontrar sua casa real - no ringue.

Ele foi aceito e recebido no primeiro ginásio de boxe que ele conheceu, e finalmente recebeu o cuidado que ele merecia. Seus treinadores e parceiros de sparring eram como família para ele, e o boxe permitiu-lhe sair do buraco em que estava e começar uma vida boa e feliz.

Hoje, Douglas é um profissional talentoso e ainda é muito jovem aos 25 anos de idade. Em 27 de março de 2017, Douglas derrotou Eduardo Mercedes para ganhar o título WBC FECARBOX dos médios. E apesar de perder sua última luta e seu título em dezembro de 2017 para Gary O'Sullivan, ele continua a ser uma boa perspectiva na divisão dos médios, com uma história muito emocionante de superação e determinação.

Assista um trecho de sua última luta contra Gary O’Sullivan, dezembro 2017

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

22 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest
  • Tumblr Jornale