Repost - Os segredos de Coco Chanel durante e depois da Segunda Guerra Mundial - Blog Quimera

CLICK AQUI PARA VER O ARTIGO

Que houve algum envolvimento entre a estilista Coco Chanel e o nazismo, já era sabido. Para entender um pouco mais sobre esse capítulo obscuro de uma das estilistas mais importantes que o mundo já teve, é imperdível a leitura do livro “Dormindo com o inimigo – A guerra secreta de Coco Chanel”, de Hal Vaughan, lançado no Brasil pela editora Companhia das Letras.

O envolvimento de Chanel com a alta inteligência nazista durante a ocupação alemã em Paris, entre 1941 e 1944, é o tema central desta biografia. Seguindo a pista de seu caso público com Hans Günther von Dincklage, um agente da Gestapo, o jornalista Hal Vaughan pretende revelar as motivações que fizeram da estilista francesa uma colaboradora oficial da Alemanha de Hitler. Vaughan trata da infância de Coco em um abrigo para crianças pobres nos últimos anos do século XIX, do crescimento da maison nos anos 1920 e, finalmente, do período em que Coco se afastou da vida pública e viveu em uma suíte do Hotel Ritz com Dincklage.


25 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest