Zoo de Curitiba recebe harpia do Mato Grosso

A harpia já se encontra em um recinto preparado especialmente para ela



Mais uma vez, o Zoológico de Curitiba é reconhecido como um local onde prevalece o bem-estar animal e o cuidado com a preservação das espécies. Uma nova harpia (gavião-real) chegou à unidade de conservação, na tarde desta quarta-feira (4/12), vinda do extinto Zoológico da Universidade Federal do Mato Grosso.


“Pleiteamos o recebimento porque já temos experiência no manejo do animal e há interesse em integrar os trabalhos para a conservação da espécie”, contou o diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna, Edson Evaristo.


Já existe no Zoo de Curitiba um casal de harpias, mas eles são irmãos, o que tornou a reprodução pouco interessante do ponto de vista de diversidade genética. Com a vinda do novo exemplar, uma fêmea, pode-se começar a pensar na participação no Programa Nacional de Conservação, segundo Evaristo.

Últimas Notícias