banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Tattoo e tecnologia, códigos na pele transformados em animação

O surto da Realidade Virtual, sem surpresa, vazou para a tatuagem e abriu novos caminhos de modificação corporal e auto expressão

Alguns artistas criativos encontraram uma maneira de combinar tatuagem com animação - criando a primeira geração de tatuagens de realidade virtual.

Essa integração permitiria que as tatuagens se movessem (pense nas imagens em movimento de Harry Potter, mas em uma tatuagem). Essa técnica, em grande parte conhecida como bio-hacking, é uma combinação de modificação do corpo e tecnologia. À primeira vista, parece que esses nichos nunca poderiam ter se cruzado quando, na realidade, funcionam muito bem juntos.

A primeira tatuagem animada foi criada quando Karl Marc em 2011, um tatuador de Paris, transmitiu o evento no Facebook. Ele trabalhou por horas para recriar um código QR dentro de uma flor que foi tatuada no peito de um voluntário. Códigos QR são amplamente utilizados em revistas e jornais, que podem ser digitalizados e decodificados por smartphones. O telefone então procura o site embutido e reproduz um vídeo que mostra o design final, revelando um cantor animado.

Houve uma enorme pressão sobre Marc enquanto tatuava, porque, mesmo que uma das partes estivesse fora do lugar, o smartphone não conseguiria ler o código. Aumentando a pressão, Marc transmitiu ao vivo o evento e permitiu que as pessoas comentassem sobre seu trabalho enquanto ele ainda estava instalando-o.

Felizmente para Marc e seu valente voluntário, o experimento foi um sucesso - tornando-se a primeira tatuagem animada já registrada. No vídeo abaixo, você pode ver como o design ganha vida através de um smartphone e um pequeno personagem sai da flor e começa a cantar.

Este avanço abre novas portas para a modificação do corpo e a possível integração da tecnologia e da internet. Ele também dá aos entusiastas da tatuagem mais liberdade para a auto expressão, já que as animações podem ser facilmente alterados se você se cansar de um personagem cantor, por exemplo.

3 de dezembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest