banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Repost - Saúde ou vaidade, tatuagem ultravioleta - Blog Quimera


Uma nova modalidade de tinta para quem deseja se destacar na multidão, são as tatuagens que brilham no escuro (glow in the dark). Se você tem o desejo de fazer uma “tatuagem invisível”, estes tipos de tinta podem ser a melhor opção para você. Pois, sua arte não irá aparecer sob a luz do dia, aparecerá apenas enquanto você está na balada ou sob luz negra.


Existem dois tipos de tatuagens que brilham no escuro: um é feito com tinta UV invisível e a outra com tintas coloridas. Nenhuma das opções brilham sobre luz própria, ambos os tipos aparecem apenas quando expostos à luz UV (também conhecida como luz negra). No entanto, eles parecem radicalmente diferente quando visto por conta própria, principalmente as tintas coloridas.

Tinta UV invisível: Em geral, a maioria das tatuagens que brilham no escuro são, tecnicamente, invisíveis. No entanto, a arte pode aparecer levemente em alto relevo ou em um leve tom vermelho sobre a pele até que seja exposta a luz negra para que seja realmente vista.

Caso você tenha uma arte feita com tintas tradicionais, você pode “customizar” sua tattoo com tintas UV para das um efeito brilhante. Tintas UV não contêm fosforescestes ou quaisquer outros produtos químicos tóxicos e podem ser utilizadas normalmente, desde que sejam trabalhadas por profissionais qualificados.

Tinta UV colorida: Quado visto à luz natural, as tintas UV coloridas parecem exatamente com as tintas de tatuagem tradicionais. Entretanto, sob a luz negra e sua tatuagem irá brilhar, desse modo as cores utilizadas em sua tatuagem ficaram fluorescentes dando um efeito único a arte.


O Lado BOM e o Lado RUIM


Tinta UV Prós

  • Tintas UVs invisíveis são exclusivamente pessoal, quando você decide utiliza-la em sua arte ninguém irá saber que você tem uma tatuagem em seu corpo, a não ser que você mostre através de luz negra. Esta é uma boa opção para quem trabalha em escritórios corporativos.

  • Pode ser uma forma de ter uma tatuagem “pop e diferenciada”, principalmente se você curte frequentar clubes, boates ou danceterias que oferecem luzes ultravioletas.

Tintas UV Contras

  • As tintas que brilham no escuram são frequentemente mais rejeitadas pela pele do que as tintas tradicionais. Há casos em que o desconforto foi tanto, que foi necessário que o paciente removesse o desenho através do laser.

  • Você terá dificuldade de encontrar um studio que trabalha com este tipo de tinta, pois ainda não é tão comum como as tintas tradicionais.


"Muitas tintas que brilham no escuro contêm fósforo, um elemento perigoso que pode ser incrivelmente tóxico para os humanos, dependendo de onde ele é derivado", explica o cirurgião dermatológico Joel Schlessinger ao site Mic. Ele também avisa: "há riscos envolvidos em qualquer tatuagem, independentemente da tinta ou do método usados".


Segundo a FDA, órgão americano responsável pelo controle de equipamentos médicos, cosméticos, medicamentos, materiais biológicos e mais outros produtos, alguns dos riscos que tatuagens podem apresentar à saúde são de infecções, alergias e cicatrizes. No entanto, os pesquisadores desse e de outros órgãos ao redor do mundo ainda realizam pesquisas para estudar esses problemas mais a fundo. Em todo caso, se quiser evitar problemas, melhor ficar com a tinta preta. E sempre procure um estúdio confiável.


Fontes variadas sobre o assunto, muitas pessoas tem opiniões a favor e contra.


23 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest