Sons Nikkei reúnem músicas de Brasil e Japão | Notícias | Curitiba | Jornale

Sons Nikkei reúnem músicas de Brasil e Japão

15/08/2019

Série de shows reúne trio inédito com ingressos a preços populares

 

 

Curitiba recebe, a partir de setembro, a série de shows Sons Nikkei – fusão musical:Brasil - Japão, com o Trio Nikkei, formado pelos músicos  João Egashira (violão), Lilian Nakahodo (piano)  e Saemi Murakami (taiko, shakuhachi e fue).  Essa formação, que alia instrumentos brasileiros com japoneses,  foi criada exclusivamente para o projeto. Até dezembro acontecerão 4 shows diferentes, em 7 apresentações  a preços populares com o trio e diversos artistas convidados: Naomi Kumamoto (flauta), Yuzo Akahori (Shamisen), Arthur Endo (violão) e Fernanda Takai (voz). Além dos shows acontecerão workshops gratuitos comtodos os artistas do projeto.

 

A série de shows se inicia nos dias 5 e 6 de setembro, no Auditório Antônio Carlos Kraide – Portão Cultural, com o Trio Nikkei convidando Naomi Kumamoto, flautista japonesa que reside no Rio de Janeiro e é especialista em Choro.

 

O termo “Nikkei” tem origem na língua japonesa e é utilizado para denominar os descendentes de japoneses que vivem de forma regular em outros países. No contexto da série de shows, visto que os músicos -  japoneses ou descendentes -  vivem no Brasil, este vocábulo também é  carregado de brasilidade dada a combinação das influências dos dois países, nas criações dos artistas.

 

O Paraná é o segundo estado com maior número de descendentes japoneses no Brasil, sendo que cerca de 40.000 deles vivem em Curitiba. Alguns deles são bastante atuantes no cenário musical da cidade. Para o projeto foram escolhidos três representantes “Nikkei” de Curitiba que formam um trio sui generis: João Egashira no violão, Lilian Nakahodo no piano e Saemi Murakami nas flautas e tambores japoneses. O trio se apresentará ao longo de uma série de concertos recebendo convidados de diversas partes do Brasil.

 

As influências musicais dos artistas envolvidos são múltiplas e dão o tom das apresentações, indo da música tradicional japonesa até o Choro e a Bossa Nova, passando pela música erudita, o forró, o jazz e até a música contemporânea. Tal fato poderá ser percebido pela diversidade e variedade de gêneros e estilos dos repertórios, que também contará com composições próprias do trio feitas exclusivamente para o projeto. Pode-se dizer que isso se configura em uma miscigenação musical com um sabor bastante brasileiro. Os arranjos serão construídos coletivamente sob orientação do diretor musical João Egashira.

 

A música pode ser um poderoso fator de aproximação, de união entre diferentes povos, diferentes culturas. E é exatamente isso que Sons Nikkei – fusão musical:  Brasil- Japão pretende: que a música funcione como um elo de ligação emocional, afetiva, cultural e artística. Respeitando as diferenças e ao mesmo tempo convergindo, mirando para o mesmo lugar, algo tão necessário nos dias de hoje.

 

O projeto é realizado com apoio e incentivo à cultura- Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba com incentivo do Positivo. Como contrapartida social, durante o período do projeto o Trio Nikkei também fará 5 concertos gratuitos em escolas municipais da cidade.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

ALEP_MASCARAS-COVID-19_BANNER_motivo01_3
Destaques JORNALE
Please reload

Site de Notícias de Curitiba - Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

              redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest