Asbia lança novo site e amplia informações sobre inseminação artificial | Destaques | Jornale | Curitiba

Asbia lança novo site e amplia informações sobre inseminação artificial

30/10/2018

O website foi totalmente reformulado com o intuito de facilitar a busca por informações e ampliar a apresentação de dados técnicos sobre o segmento

A Associação Brasileira de Inseminação Artificial (ASBIA) acaba de lançar seu novo site, com um visual mais moderno, interativo e de fácil navegação. Com mudanças na home e na parte interna, a página também traz novas seções, como a "Laboratório", com informações úteis para quem deseja fazer análises de sêmen. Outra novidade é a seção dedicada às ações setoriais promovidas pela diretoria da ASBIA, que tem atuado junto aos órgãos governamentais para fomentar o uso da técnica no Brasil e para ampliar o comércio internacional de material genético.

Segundo o presidente da ASBIA, Sérgio Saud, as mudanças do site têm como meta tornar a navegação mais simples, amigável e interativa, para que o usuário tenha fácil acesso às informações sobre as tecnologias ligadas à pecuária e compartilhe com o maior número de pessoas. O site traz várias seções informativas, dentre elas Artigos Técnicos, Cursos de IA e Notícias do setor. As estatísticas anuais relativas às vendas de sêmen bovino e o uso da inseminação artificial em bovinos também podem ser acessadas no website.

A técnica de Inseminação Artificial (IA) vem crescendo no País e atinge atualmente cerca de 13% das fêmeas em idade reprodutiva. Em 2017, foram comercializadas mais de 14 milhões de doses de sêmen. "As biotecnologias reprodutivas são as técnicas mais seguras, simples, eficientes e baratas de promover a melhoria da produtividade e lucratividade da fazenda. E levar a informação sobre as vantagens das técnicas de IA e IATF (Inseminação Artificial por Tempo Fixo) para todos os criadores do País é um dos objetivos da ASBIA. Aquele criador que passa a conhecer e utilizar as biotecnologias reprodutivas, dificilmente deixa de utilizá-las. E o novo site da ASBIA permite ao criador conhecer melhor essa tecnologia para adotá-la da forma correta em sua propriedade", diz Saud.

Acesse www.asbia.org.br

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaques JORNALE
Please reload

Site de Notícias Online de Curitiba

Siga Jornale