Francischini consegue votação recorde na Assembleia | Jornale

Francischini consegue votação recorde na Assembleia

08/10/2018

Candidato do PSL teve mais de 427 mil votos e elegeu mais sete

 

 

O Delegado Fernando Francischini foi o campeão de votos na disputa por uma das 54 cadeiras da Assembleia Legislativa. Aliado de primeira hora do presidenciável Jair Bolsonaro, a sua votação de 427.521 votos refletiu a preferência do eleitorado paranaense nestas eleições. Francischini trocou o seu mandato de deputado federal com o filho, que era estadual e agora foi eleito para o Congresso.

A votação expressiva do delegado ajudou a formar uma bancada de oito deputados estaduais para o PSL. A maior bancada na Assembleia será importante para definir a Presidência do Legislativo estadual e o apoio para o governo de Ratinho Junior, a partir de 2019.

O partido do governador eleito, o PSD, também obteve uma vitória expressiva para o Legislativo, com a eleição de seis parlamentares. O mais votado foi Guto Silva,  com 66 mil votos, homem de confiança de Ratinho Júnior.

Trinta foram reeleitos

A renovação na Assembleia Legislativa ficou dentro dos números de eleições anteriores. Foram 30 reeleitos e 24 terão a sua primeira oportunidade de atuar no Legislativo Estadual. Entre os reeleitos estão veteranos como Ademar Traiano (PSDB) e Plauto Miró (DEM), que ocupavam a mesa diretiva da Assembleia e a bancada do PSB, que conta com nomes como Alexandre Curi, Luiz Cláudio Romanelli e Artagão Júnior.

Os veteranos terão importância para definir a direção da Assembleia. Durante o ano, especulações davam conta da possibilidade de Traiano permanecer como presidente, mas que Ratinho teria preferência por Guto Silva, mas o resultado expressivo de Francischini pode ter interferência decisiva neste processo.

Resultado Final

 

PSL – Delegado Francischini 427.521 mil votos; Coronel Lee 58.336 mil votos; Delegado Fernando 36.935, Luiz Fernando Guerra com 32.207 mil; Missionário Ricardo Arruda 27.565 mil, Do Carmo 17.691 mil, Emerson Bacil 17.625 mil, Subtenente Everton 13.039 mil;

 

PSD – Guto Silva 66.395 mil, Márcio Nunes 59.176 mil, Cobra Repórter 46.936 mil, Mauro Moraes 39.570 mil, Francisco Buhrer 38.675 mil, Delegado Rubens Recalcatti 35.289 mil;

 

PSB – Alexandre Curi 147.295 mil, Tiago Amaral 79.278 mil, Romanelli 73.379, Artagão Júnior 57.208 mil, Jonas Guimarães 41.919 mil;

 

PT – Professor Lemos 84.766 mil, Tadeu Veneri 69.238 mil, Arilson Marondi Chiorato 36.475 mil, Luciana Rafagnin 30.925 mil;

 

PSC – Evandro Araújo 64.727 mil, Gilson de Souza 456.090 mil, Reichembach 35.749 mil, Mabel Canto 35.036 mil;

 

PSDB – Paulo Litro 61.703 mil, Michele Caputo 51.217, Traiano 33.600 mil;

 

PP – Gilberto Ribeiro 60.467 mil, Maria Victória 50.331 mil, Luiz Carlos Martins 43.915 mil;

 

PPS – Cristina Silvestre 48.514 mil, Tercílio Turini 46.101 mil, Douglas Fabrício 40.746 mil;

 

MDB – Requião Filho 82.600 mil, Anibelli Neto 46.687 mil;

 

PV – Estacho 42.989 mil, Soldado Adriano José 33.740 mil;

 

PR – Delegado Jacobos 61.294 mil; Marcelo Miqueletto 43.176 mil;

 

PDT – Goura 37.358 mil; Nelson Luersen 28.961 mil;

 

PROS – Romero Marchese 42.148 mil, Soldado Fruet 52.230 mil.

 

Podemos – Galo 26.198 mil

 

DEM –  Nelson Justus 38.006 mil, Plauto Miró 36.280 mil;

 

PRB  – Alexandra Amaro 49.530 mil

 

PTB – Tião Medeiros 54.251 mil

 

PRTB – Boca Aberta Júnior 39.492 mil;

 

PMN – Doutor Batista 31.309 mil;

 

PPL – Márcio Pacheco 39.322 mil.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaques JORNALE
Please reload

Site de Notícias Online de Curitiba

Siga Jornale