Professores fazem protesto em Curitiba para lembrar confrontos | Notícias | Curitiba | Jornale

Professores fazem protesto em Curitiba para lembrar confrontos

30/08/2018

Escolas estaduais ficaram sem aula nesta quinta-feira

 

 

Professores da rede estadual do Paraná fizeram nesta quinta-feira (30) um protesto em Curitiba, par lembrar os confrontos que a categoria teve com a polícia nos governos Alvaro Dias e Beto Richa. Durante o protesto, os professores cobraram da governadora o pagamento da data-base, o cumprimento da lei da hora-atividade, revisão da distribuição de aulas, correção do salários dos PSS, anistia das faltas da greve e outras pautas centrais da campanha salarial.
A mobilização começou às 9h na Praça Santos Andrade. De lá os trabalhadores seguiram em caminhada até a Praça Nossa Senhora de Salete, onde fica a sede do governo. Durante a manifestação foram lembrados os 30 anos dos confrontos entre professores e a Polícia Militar no governo Álvaro Dias, em 30 de agosto de 1988, e no governo Beto Richa, em 29 de abril de 2015.
“Lutar sempre valerá a pena. O avanço na superação das inúmeras desigualdades que ainda temos no Paraná e no país só será alcançado a partir de uma educação pública de muita qualidade e uma educação de qualidade pressupõe condições de trabalho, valorização e respeito às manifestações”, disse o presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Leão.
O presidente da APP-Sindicato explicou que a posição do governo pela reposição foi comunicada pelo secretário de Estado do Trabalho, Paulo Rossi, durante reunião com lideranças sindicais.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaques JORNALE
Please reload

Site de Notícias de Curitiba - Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

              redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest