Boxe feminino é um caminho de sonhos que se realizam | Jornale

Boxe feminino é um caminho de sonhos que se realizam

21/11/2017

Anja Stridsman representará a Austrália no boxe nos Jogos da Commonwealth do próximo ano. (SBS World News)

 

Boxeadora nascida na Suécia estará nos Jogos da Commonwealth 2018

A pugilista Anja Stridsman se classificou para estar entre um grupo de 13 lutadores, que representaram a Austrália nos Jogos da Commonwealth do próximo ano.

A Commonwealth é a comunidade britânica de nações ou a associação da Grã-Bretanha com outros países independentes.

A sueca, com 30 anos, ganhou na divisão de 60 kg nos campeonatos nacionais do início desse mês, apesar de sofrer uma grave lesão no joelho há dois meses.

Depois de vencer a final, Stridsman caiu em lágrimas de emoções sobre a vitória.

"Fiquei tão feliz por ter feito isso", Stridsman disse à SBS World News.

"Isso não foi feito antes, eu acho".

Stridsman diz que nada à impedirá de competir nos Jogos da Commonwealth, que estará sendo realizado na Costa do Ouro em abril de 2018.

"Eu vou ficar mais forte e melhor", disse Stridsman.

"Quando começarem os Jogos da Commonwealth, eu vou estar melhor do que nunca".

Stridsman veio para Austrália deixando a Suécia há uma década para estudar e nunca saiu.

"Boxe é a única coisa que realmente se cimentou em mim, é aí que minha vida é e é aqui que eu vou ficar", disse ela.

Stridsman começou a praticar boxe há sete anos para se manter em forma, mas descobriu uma paixão pelo esporte.

"Eu sabia que as mulheres agora podiam ir às Olimpíadas, então eu queria ir às Olimpíadas", disse Stridsman.

"Eu estabeleci meu objetivo realmente alto e desde então eu nunca parei".

 

Traduzido - sbs

 

Vídeo - Anja Stridsman boxing trainer sydney

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaques JORNALE
Please reload

Site de Notícias Online de Curitiba

Siga Jornale