A abstração da arte parte da própria natureza em movimento | Destaques | Jornale | Curitiba

A abstração da arte parte da própria natureza em movimento

24/10/2017

Os peixes são um dos elementos do trabalho artístico que define o tema primário de Paul Klee – Como os trabalhos “Peixe Mágico” (1925) e “Ao redor do peixe” (1926) são pinturas feitas durante seu período como professor na escola de design.

Dica do Klee

Klee tinha um aquário em casa e o utilizava frequentemente em aulas em que alunos iam até sua casa, segundo a série de textos “Paul Klee de A a Z”, publicados no site da galeria britânica Tate Modern. Apesar de ser conhecido como precursor da arte abstrata, Klee incentivava a observação do movimento do peixe no aquário e pregava que todo trabalho artístico, inclusive os abstratos, deveria se inspirar na natureza, algo que à primeira vista poderia parecer estar mais associado à arte figurativa.

Mas com o movimento do peixe e da água, não tendo um ponto fixo a ser olhado, algo que ficasse estático. A mudança era constante nas ondulações, formas e cores. Podia-se ver, segundo ele, a abstração natural da natureza.

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaques JORNALE
Please reload

Site de Notícias Online de Curitiba

Siga Jornale