Terminais de ônibus recebem mobilização de combate ao racismo

16/11/2021


Ação faz parte do Mês da Consciência Negra



Quem circulou pelo terminal do bairro Capão da Imbuia, na Regional Cajuru, na manhã desta terça-feira (16/11), recebeu informações sobre o que é o racismo, quem foi Zumbi dos Palmares, o que é o Mês da Consciência Negra e porque se celebra o dia 20 de novembro. A ação faz parte da programação da Prefeitura de Curitiba para novembro, o Mês da Consciência Negra.


Das 7h às 9h, a equipe da Assessoria de Direitos Humanos - Política de Promoção da Igualdade Étnico-Racial distribuiu folders para os passageiros que circulavam pelo terminal do Capão da Imbuia. A mesma ação será feita na quarta-feira (17/11) no terminal da CIC, e na sexta-feira (19/11), no terminal do Sítio Cercado, também das 7h às 9h.


A assessora da Igualdade Étnico-Racial da Prefeitura, Marli Teixeira Leite, explicou que os três terminais foram escolhidos porque as regionais Cajuru, CIC e Bairro Novo são as que concentram o maior número de pessoas negras de Curitiba. De acordo com dados do censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 26% da população de Curitiba se declara negra.


“Nos terminais há uma grande circulação de pessoas e escolhemos estes locais para mostrar o trabalho da Assessoria da Igualdade Étnico-Racial na defesa e luta pelos direitos dos negros. Muitas pessoas ainda não se descobriram negras, queremos que sintam orgulho de serem negros”, afirmou Marli.


A receptividade ao material informativo foi boa, no primeiro dia da ação no Capão da Imbuia. “Temos uma disputa grande com o celular, pois todos ficam bastante tempo olhando para o aparelho, além da correria do dia, mas a aceitação foi boa”, disse Marli.


Ela explicou que o trabalho de igualdade racial é feito o ano inteiro, mas em novembro é intensificado em razão do Mês da Consciência Negra.

Últimas Notícias