Curitiba | Tarifa fica “congelada” para créditos antigos do cartão

01/03/2022


Novo valor de R$ 5,50 já vale para quem pagar em dinheiro



A tarifa de ônibus ficará “congelada” a R$ 4,50 por 30 dias nos créditos comprados por meio de cartão vale-transporte até 28 de fevereiro. Nesta terça-feira (1/3), a passagem para as linhas de Curitiba passou de R$ 4,50 para R$ 5,50, no primeiro reajuste desde 2019.


O vale-transporte, que é carregado pelo empregador, representa a maior parte das passagens compradas na capital, com 47% de participação, seguido por dinheiro (24%) e cartão comum (usuário), com 15%.


O usuário que tinha 100 passagens a R$ 4,50 no seu vale-transporte até 28 de fevereiro, por exemplo, permanecerá com o mesmo número de bilhetes, com carência de 30 dias. Após esse período, o estoque passa a ser contado com passagem a R$ 5,50. Ou seja, de 100 passagens, o cartão terá 81 bilhetes.


O valor de R$ 5,50, no entanto, vale para novas recargas tanto para o cartão comum (carregado pelo usuário) como o vale-transporte (pelo empregador) a partir desta terça-feira (1/3). Saiba como carregar seus créditos.

Últimas Notícias