SP anuncia postos de vacinação em estações de transporte público

12/05/2021


Pessoas aptas já podem se vacinar em quatro estações



O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (12) que vai ampliar o número de postos de vacinação contra a covid-19 na capital paulista. Os postos serão instalados em estações do Metrô, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU).


A partir desta quinta (13), as pessoas aptas à imunização poderão se vacinar em quatro estações da CPTM: Guaianases ( Linha 11-Coral), São Miguel Paulista, Jardim Helena-Vila Mara e Itaim Paulista, na Linha 12-Safira. Também haverá postos de atendimento na estação Corinthians-Itaquera (Linha 3-Vermelha do Metrô) e no Terminal de Ônibus São Mateus da EMTU. O funcionamento será das 9h30 às 17h.


A partir do dia 17 de maio a vacinação também estará disponível nas estações República, Pinheiros e Butantã, da Linha 4-Amarela do Metrô. Para agilizar o atendimento no dia da vacinação, é indicado que seja feito um pré-cadastro no site Vacina Já. É necessário informar nome completo, CPF, data de nascimento, endereço completo e telefone.


Vacinação

Pessoas com idades entre 45 e 49 anos de idade e que tenham comorbidades poderão ser vacinadas contra a covid-19 a partir do dia 21 de maio. A informação foi dada hoje (12) pelo governo paulista.


Neste mesmo dia serão vacinadas pessoas com deficiência permanente dessa mesma faixa etária (45-49 anos) e que estejam cadastradas para receber o Benefício de Prestação Continuada de Assistência Social (BPC).


O governo paulista espera vacinar 670 mil pessoas com idades entre 45-49 anos e que tem comorbidades e mais 25 mil pessoas com deficiência permanente e que recebem o BPC.


Ao comparecer ao posto de saúde, qualquer pessoa com comorbidades que faz parte das faixas etárias já anunciadas deve apresentar comprovante da condição de risco por meio de exames, receitas, relatório ou prescrição médica. Os cadastros previamente existentes em Unidades Básicas de Saúde (UBS) também podem ser utilizados.


Já as pessoas com deficiência permanente precisam apresentar o comprovante do recebimento do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC).

Últimas Notícias