Radialista que propagou fake news sobre massacre nos EUA é condenado a pagar R$ 250 milhões

05/08/2022


Alex Jones inventou uma mentira para dizer que não houve massacre



Alex Jones, o radialista do programa de rádio dos Estados Unidos Infowars foi condenado a pagar US$ 49,3 milhões (mais de R$ 250 milhões) por dizer no ar que o massacre na escola de Sandy Hook, em 2012, que deixou 20 crianças e 6 adultos mortos, era uma farsa fabricada pelo governo americano.


Os pais de uma das vítimas que entrou com o processo na Justiça. Ele havia pedido US$ 150 milhões (R$ 780 milhões) por difamação contra Alex Jones, fundador do site Infowars.


O processo foi movido por Scarlett Lewis e Neil Heslin, pais de Jesse Lewis, de 6 anos, que morreu no massacre na escola. Os parentes afirmam que tiveram dor emocional por causa da mentira espalhada por Jones.


O julgamento aconteceu na cidade de Austin, no estado do Texas.

Últimas Notícias