Paraná quer ampliar a testagem em massa

10/06/2021


Assunto foi debatido pela Frente Parlamentar do Coronavírus



Mesmo sendo um dos estados brasileiros que mais testou a população para detectar a presença do coronavírus, o Paraná quer ampliar ainda mais a testagem, com a utilização de testes rápidos para pesquisa do antígeno viral SARS-CoV-2. O objetivo é fortalecer o rastreio, monitoramento e isolamento de contatos relacionados à Covid-19.

A necessidade de massificar os exames por antígenos para detectar o vírus foi debatida nesta quinta-feira (10) durante reunião da Frente Parlamentar do Coronavírus da Assembleia Legislativa do Paraná. O teste portátil detecta o antígeno do vírus por meio da coleta de amostra de secreção respiratória (nasofaringe) e apresenta o resultado em aproximadamente 15 minutos.

Para enfrentar o pior momento da pandemia, a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) está enviando 85 mil testes rápidos aos municípios do Estado. Os testes rápidos vão se somar aos mais de 2,7 milhões de exames realizados desde o início da pandemia.

Últimas Notícias