Outubro Rosa: Rua da Cidadania do Cajuru prepara tarde de lazer, cultura e informação

21/10/2021


Evento é aberto ao público e inicia às 14 horas



Uma tarde com muito lazer e informação é o que o público encontrará no Outubro Rosa na Rua da Cidadania do Cajuru, nesta sexta-feira, dia 22.


“Vamos aproveitar um dos dias de maior circulação de pessoas no local para, de forma leve, reforçar a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e a prevenção de outras doenças”, explica o administrador regional, Narciso Doro Júnior.


O evento é aberto ao público. Para participar, basta usar máscara corretamente colocada sobre o rosto e observar o distanciamento social. O início será às 14h, na praça da Rua da Cidadania, com a feira semanal de artesanato e gastronomia do espaço e a apresentação da Banda Lyra Curitibana. As cerca de 20 barracas, que desde 2019 divulgam produtos feitos por moradores da região, estarão decoradas nos tons da campanha anual, conhecida pelo laço rosa.


Ao lado dos artesãos, dos representantes da ONG (organização não-governamental) Atitude na Cabeça e da Casa da Mulher Brasileira (centro de referência para atendimento à mulher em situação de violência), acadêmicos de Enfermagem e Educação Física da Unibrasil abordarão o público sobre a importância da solidariedade, da empatia e do autocuidado no dia a dia. A universidade fica no Tarumã, um dos bairros da Regional Cajuru.


Enquanto percorre a feira e se informa, o público também poderá ver as apresentações de ritmos que acontecerão após a Banda Lyra. Entre as atrações estarão alunas de zumba da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude (Smelj), além de performances com capoeiristas.


Espera em boa companhia

Depois de passar pela praça, quem estiver aguardando para ser atendido nos diversos serviços públicos instalados no local, no primeiro piso, poderá aproveitar o tempo de espera e ler um dos textos selecionados pela equipe da Casa da Leitura Hilda Hilst. O espaço é a biblioteca de arte e literatura da Rua da Cidadania do Cajuru e que faz parte da Gerência de Literatura da Fundação Cultural de Curitiba (FCC).


Dispostos na forma de varal, poderão ser retirados, lidos e levados para casa textos escritos somente por mulheres. Entre elas estão Cristiane Sobral, Conceição Evaristo, Rupi Kaur, Laura Conceição, Alice Ruiz, Cecília Meireles, Laura Santos, Ryane Leão e da madrinha da Casa da Leitura do Cajuru, Hilda Hilst. A seleção é da mediadora de leitura Sueelem Witsmivyn.


Com as medidas de prevenção à covid-19, atualmente cerca de 300 pessoas passam pela Rua da Cidadania do Cajuru todos os dias. Antes da pandemia, a média de visitantes girava em torno de 700.


Serviço: Outubro Rosa na Rua da Cidadania do Cajuru

Data: 22/10 (sexta-feira)

Horário: 14h às 17h

Endereço: Av. Prefeito Maurício Fruet, 2150, Cajuru


Foto: Daniel Castellano/SMCS


Últimas Notícias