Motoristas acusados por morte de estudante durante racha vão a júri popular

15/02/2022


Caroline Olímpio, de 19 anos, foi morta por um dos motoristas



Dois homens acusados de participarem de um suposto racha que acabou na morte de uma estudante, em Curitiba, em 12 de março de 2020, irão a júri popular. A decisão da Justiça paranaense foi divulgada (14).


A vítima Caroline Beatriz Olímpio tinha 19 anos e estudava arquitetura na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) atravessava a a Rua Pedro Viriato Parigot, na Cidade Industrial de Curiitiba (CIC), quando foi atingida pelo carro dirigido por Fernando Rocha Fabiani. De acordo com denúncia do Ministério Público do Paraná (MP-PR), ele disputava um racha com Nicholas Henrique Castro. Os dois vão responder por homicídio simples, sem a qualificadora de perigo comum, negada pela Justiça.


Os acusados irão responder por homicídio simples. A Justiça negou o pedido do MP-PR para que fosse incluída uma qualificadora de perigo comum. Os acusados também terão que entregar as habilitações para dirigir e os passaportes em cartório.

Últimas Notícias