Mandetta depõe mais de sete horas para a CPI

04/05/2021


Ele abordou temas como a importância da ciência e das vacinas no combate à Covid



O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta abriu ontem a fase de depoimentos à CPI da Covid e, durante 7 horas e 22 minutos, abordou temas como a importância da ciência e das vacinas no combate à Covid e disse que o comportamento do presidente Jair Bolsonaro causou “impacto” no agravamento da pandemia.


Durante a sessão, Mandetta disse, entre outras coisas, que o Governo Federal não quis fazer campanha nacional contra a Covid; que Bolsonaro foi alertado sobre a gravidade da pandemia; que a postura do presidente da República causou “impacto” no cenário da pandemia; que o ministro da Economia, Paulo Guedes, é “pequeno” e talvez tenha “influenciado” o presidente Jair Bolsonaro; e que o Brasil não fez “lockdown” e que adotou medidas contra a Covid “depois do leite derramado”.

Últimas Notícias