Guarda Municipal atende dez ocorrências relacionadas a drogas

11/03/2021


A reincidência continua sendo observada pelas equipes



Guardas municipais atenderam quatro ocorrências de tráfico de drogas, outras quatro por uso de entorpecentes e mais duas enquadradas como uso de drogas, ao longo desta quarta-feira (10/3). No atendimento aos casos, que desde o início do ano somam 331 - sendo 47 nesses primeiros 11 dias de março - a reincidência continua sendo observada pelas equipes que reprimem os delitos nas ruas.


Foi o caso de um jovem de 22 anos, um dos presos nesta quarta. Ele foi abordado na Rua do Rosário, no Centro. Após tentativa de fuga, os guardas encontraram cinco pequenas embalagens com crack e R$ 114 com o suspeito, que usava tornozeleira eletrônica desde a última prisão pelo mesmo crime, efetuada também pela Guarda Municipal, seis dias antes. Ele foi conduzido à Central de Flagrantes da Polícia Civil para a continuidade das investigações.


Apreensão de adolescente


Também na quarta, uma adolescente de 16 anos foi apreendida por tráfico de drogas na Travessa Nestor de Castro. Ela estava com oito pequenas embalagens com crack escondidas na boca.


Os guardas ainda encontraram um tablete de maconha escondido nas floreiras da rua, nas proximidades de onde ela estava. A jovem, que já tinha histórico de tráfico na região, foi encaminhada para a Delegacia do Adolescente. A situação foi denunciada pelo telefone de emergência 153 (Centro de Operações da GM).


Nos bairros


Quarenta embalagens de cocaína e 60 de crack embaladas para venda foram encontradas com um homem de 34 anos abordado na Rua Baldur Magnus Grubba, nas proximidades do Centro de Educação Integral (CEI) Expedicionário, bairro Novo Mundo. A ocorrência de tráfico foi atendida por guardas do núcleo Pinheirinho, que levaram o homem para a Central de Flagrantes.


No mesmo dia, os guardas atenderam a outras ocorrências relacionadas a drogas no Centro (duas), no Novo Mundo, na CIC, no Sítio Cercado, no Portão e no Cajuru.


O cidadão que perceber movimentação estranha e que suspeite de porte, uso ou tráfico de drogas em ruas e praças da cidade pode fazer a denúncia para o telefone 153 da Guarda Municipal ou, também, para o Disque-denúncia 181, do Governo do Estado. A informação sobre características e atitudes das pessoas suspeitas é importante para averiguações e possíveis abordagens.

Últimas Notícias