top of page

Frio vai até a próxima semana, mas neve está descartada

10/07/2024


A cobertura de nuvens, que impedem o aparecimento do sol, resultando em dias gelados



O tempo frio e a chuva devem permanecer em todo o Paraná até o início da próxima semana, com pancadas de chuva mais fortes a partir desta quinta-feira (11) até domingo (14). A possibilidade de geada, neve ou chuva congelada está descartada. É o que aponta o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar), órgão vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável (Sedest).


Dois fatores ajudam a manter essa condição de tempo por todo o Estado: uma massa de ar frio próxima ao Paraná, úmida, resultando na chuva constante, e a cobertura de nuvens, que impedem o aparecimento do sol, resultando em dias gelados mesmo sem o registro de temperaturas negativas. Entretanto, não existem condições meteorológicas para a formação de neve, chuva congelada ou geada.


De acordo com o meteorologista do Simepar Reinaldo Kneib, o frio é resultado de uma massa de ar gelado que atinge o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, reverberando no Paraná. “A massa de ar frio é associada ao tempo seco e temperatura bastante baixa. O núcleo dela está sobre o Rio Grande do Sul. Então lá está seco, tem geada, com temperaturas negativas, mas aqui no Paraná estamos sendo atingidos com a borda dessa massa de ar frio”, explica.


“No Paraná temos um fluxo, um corredor de umidade da região amazônica. Geralmente ele fica mais ao Sul, sobre Santa Catarina e Rio Grande do Sul, por isso que teve muito mais chuva nos últimos meses nessas regiões. Agora está sobre o nosso Estado”, acrescenta.


Apesar de estar longe de registrar temperaturas próximas de zero e até mesmo negativas, um fator tem colaborado para a sensação de frio durante todo o dia: a baixa amplitude térmica. “Ainda deveremos ter outra onda de frio que pode provocar temperaturas abaixo de zero, mas essa semana é a mais gelada do ano em questão de temperatura média”, destaca o meteorologista. “Existe quase uma estabilidade na temperatura, não está variando durante o dia. Somada a chuva, frio, umidade, isso gera um desconforto bastante grande nas pessoas”.

Comments


Últimas Notícias

bottom of page