banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Corpo de Bombeiros ganha Centro de Formação Profissional

02/11/2020


O projeto está sendo executado dentro da Academia Policial Militar do Guatupê


Crédito: Geraldo Bubniak/AEN

O quadrado perfeito da estrutura física da Escola de Formação dos Bombeiros, tal qual um Mondrian (pintor neerlandês modernista), é o que ajuda a explicar a dimensão do projeto que está sendo executado dentro da Academia Policial Militar do Guatupê, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.


Esse é o prédio que marca o início de um novo ciclo de desenvolvimento para a formação dos bombeiros paranaenses e que encerra uma trajetória iniciada há 56 anos a apenas 17 quilômetros dali, nos mananciais de Piraquara.


A nova Escola Superior de Bombeiro Militar foi concebida entre o final da década passada e o começo desta e já atingiu 75,2% de conclusão das obras, com previsão de entrega civil para dezembro deste ano e de início efetivo de funcionamento para o segundo semestre de 2021, com a aquisição de todo o mobiliário e os equipamentos dos laboratórios.


Essa estrutura tem capacidade para atender 300 alunos simultaneamente nos cursos de formação, especialização e aperfeiçoamento da corporação, tais como formação de praças (soldados), habilitação de sargentos, formação de socorristas, guarda-vidas, especialização em resgate veicular, salvamento em altura, espaços confinados, estruturas colapsadas, operações de combate a incêndios urbanos e florestais, aperfeiçoamento de sargentos, além da formação habitual de oficiais (voltadas à gestão e controle da instituição).


Será a grande faculdade dos homens e mulheres voltados ao serviço de prevenir e socorrer a população nos acidentes, incêndios e resgates, em qualquer tipo de terreno ou horário. A meta é ultrapassar 1.500 alunos por ano.


“Os bombeiros paranaenses atendem com muita precisão o Estado e outras unidades da federação, quando demandados. Estamos investindo ainda mais em preparo, treinamento.


Essas pessoas colocam as suas vidas à disposição para salvar os paranaenses”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior. “Essa nova escola vai formar as próximas gerações. É um ativo que vai perdurar por décadas”.


A Escola Superior Bombeiro Militar permitirá atualização diária dos procedimentos e preparação adequada para manuseio dos equipamentos disponíveis no mercado para auxiliar o dia a dia das tropas. “É uma obra maravilhosa. É nessa escola que teremos treinamento e atualização das novas tecnologias que são incorporadas periodicamente pelo Corpo de Bombeiros. Compramos equipamentos da Suécia, da Noruega, da Inglaterra. E vamos manter essa evolução porque as tropas do Paraná são referências nacionais”, destaca o secretário estadual da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares.


“É um sonho antigo ter uma escola moderna, apta ao que desejamos. Estamos pensando nos profissionais do futuro. Teremos formação tradicional e especializada, que não termina nunca. Estamos sempre aperfeiçoando os processos ao longo da carreira”, acrescenta o comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Paraná, coronel Samuel Prestes. “O bombeiro é um profissional versátil, do controle de segurança das construções a crises humanitárias como a pandemia. Esse nível só é alcançado com muito treinamento”.

23 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest