Conheça os 3 prédios mais altos do mundo

04/12/2020


Estruturas têm grandes planos arquitetônicos com um batalhão de técnicos



Muitos edifícios construídos hoje em dia tiveram um grande plano arquitetônico em seus bastidores, junto com uma grande equipe de responsáveis técnicos.


Engenheiros, arquitetos, técnicos de segurança do trabalho, mestres de obras e pedreiros. Todos reunidos como uma equipe desde o alicerce ao acabamento de uma edificação.


Podendo ser feitos de estrutura metálica, concreto armado, ou até mesmo de tijolos, os prédios têm como objetivo abrigar atividades humanas. Mas quais seriam as maiores estruturas já feitas?


Neste artigo abordaremos os prédios mais altos do mundo, os grandes arranha-céus. Essas superestruturas terão fundações profundas em suas bases, garantindo uma maior estabilidade estrutural.


Confira abaixo o ranking com as maiores edificações já construídas até hoje

1. Burj Khalifa (Emirádos Árabes)



Localizado em Dubai, era conhecido anteriormente como Burj Dubai. Possuindo 828 m de altura e 163 andares, esse arranha-céu é a estrutura mais alta já construída pelo ser humano até hoje.


Inaugurado em 2010, o Burj Khalifa possui serviços de hospedagem, compra de apartamentos e salas comerciais em diferentes escalas.

O arranha-céu levou cerca de 6 anos para ser construído, tendo um orçamento total do projeto avaliado em 1,5 bilhão de dólares.


Utilizou em sua construção 330.000 m³ de concreto, 55.000 tol. de aços e vergalhões e 22 milhões de homens-horas para concluir o projeto.


Projeção da estrutura de fundação do Burj Khalifa em 3D. 192 estacas são contabilizadas no seu alicerce.


Ao menos quinze recordes relacionados à altura já foram quebrados desde a sua inauguração, envolvendo títulos como a mais alta mesquita do mundo e balada de maior altitude do mundo.


Uma curiosidade interessante sobre o arranha-céu é que com o aço utilizado na construção do Burj Khalifa, daria para construir uma estrada que percorreria 25% da circunferência terrestre (mais ou menos a distância do oriente médio aos Estados Unidos).


2. Shanghai Tower


Inaugurado em 2015 e conhecido também como Torre de Xangai, essa superestrutura é um arranha-céu situado no distrito financeiro de Pudong, localizado em Xangai na China.


A Shanghai Tower possui 632 m de altura. Tendo 128 andares e cerca de 380.000 m² de área, a estrutura é conhecida como o segundo prédio mais alto do mundo e o prédio mais alto da China.


O prédio possui o uso para hospedagem como hotel, lojas, salas comerciais e variados tipos de entretenimento.


Essa construção é composta por um conjunto de nove edificações cilíndricas empilhadas umas em cima das outras, separadas pela camada interna da fachada de vidro.


Além de possuir diversos sistemas de fornecimento de energia própria, como por exemplo turbinas eólicas e reaproveitamento de água, a Shanghai Tower já bateu três recordes com seus elevadores tecnológicos no Guiness Book. São eles:

⦁ Maior velocidade (cerca de 70 Km/h), indo do térreo ao 95º andar em 3/4 de minuto;

⦁ Maior altitude;

⦁ Capacidade de transporte de pessoas.


3. Makkah Clock Tower


Conhecido como Abraj Al Bait, essa construção foi inaugurada em 2012 e é um complexo arranha-céu que fica situado na Arábia Saudita, em Meca.

Construída pelo engenheiro Dar Al-Handasah, esse complexo também conhecido como Mecca Royal Hotel Clock Tower, é conhecido como o hotel mais alto do mundo.


O complexo arranha-céu possui uma arquitetura pós-moderna, com uma torre facetada em quatro partes e vários tipos de materiais utilizados.


Alguns materiais utilizados na construção do complexo foram:

⦁ Vidro nas fachadas;

⦁ Mármore;

⦁ Pedra;

⦁ Polímero de carbono reforçado;

⦁ Estrutura em betão armado, aço e composite construction.


A torre do relógio de quatro faces do complexo arranha-céu é considerada pela a Arábia Saudita a maior do mundo, superando o Big Ben em Londres, que possui 96 m de comprimento.


Cada uma das faces da torre principal possui relógios de 23 m de raio, tendo no total sua iluminação contando com mais de 2 milhões de lampadas LED e uma grande nota takbīr escrita "Allahu Akbar".


O projeto do relógio custou cerca de 800 milhões de dólares, dinheiro arrecadado através do ministério de doações religiosas.


Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

17 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest