Comissão da Vacinação aprova diligência em Apucarana

17/05/2021


Os deputados estão investigando as denúncias de fura fila na vacinação



Em reunião nesta segunda-feira (17) os deputados que integram a Comissão Especial criada na Assembleia Legislativa para apurar possíveis irregularidades na ordem de vacinação contra a Covid-19 no estado aprovaram um requerimento de diligência para a cidade de Apucarana. Segundo o presidente da Comissão, deputado Delegado Francischini (PSL) a ida à cidade é essencial para apurar o caso da suposta enfermeira que foi presa sábado (15), a pedido do Ministério Público, acusada de oferecer doses da vacina contra a Covid-19.

Os deputados também aprovaram dois pedidos de informações. O primeiro endereçado à Prefeitura de Apucarana solicitando informações sobre a falsa enfermeira e as doses que ela estava vendendo e que teriam sido desviadas. O outro encaminhado à Prefeitura de Londrina é sobre a troca de vacinas que teria ocorrido entre aquela cidade com Curitiba. A Prefeitura de Londrina, conforme denúncias que chegaram à Comissão Especial, teria emprestado 4.500 da vacina do laboratório Astrazeneca e devolvido 4.500 doses da Sinovac.

Também aprovado pelos deputados um pedido de informação para que a Prefeitura de Curitiba, através da Secretaria de Saúde explique os motivos da vacinação em profissionais de uma empresa de planos de saúde.

Últimas Notícias