Caminhoneiros bloqueiam estradas no País; Paraná regista 25 pontos de protestos

09/09/2021


Bloqueios de estradas são confirmados em rodovias dez estados



Na manhã desta quinta-feira, dia 9, caminhoneiros que são a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro e contra os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) promovem manifestações e bloqueiam estradas em todo o país.


Até 8 horas, foram confirmados bloqueios em rodovias de pelo menos dez estados: SP, RJ, BA, GO, MA, MG, PA, RS, SC e TO.


Na maioria dos locais, apenas carros pequenos, veículos de emergência e cargas de alimentos perecíveis estão tendo o trânsito liberado pelos manifestantes.


As interdições continuam mesmo após o presidente Jair Bolsonaro gravar um áudio pedindo aos caminhoneiros que liberem as estradas do país. Na gravação, Bolsonaro diz que a ação "atrapalha a economia" e "prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres".


Paraná


Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), são 18 rodovias federais com protestos. Na Região de Metropolitana de Curitiba a BR-277, em Campo Largo, e a BR-116, em Mandirituba estão com o trânsito parcialmente interditado.


A polícia afirma que apenas dois pontos, BR 467 Km 71, em Toledo, e BR 476 Km 285, em São Mateus do Sul, têm restrição para caminhões.


A Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná (Fetranspar) afirma que há outras sete estradas com manifestações no Estado, ou seja, pelo menos 25 rodovias que cruzam o Paraná registraram protestos de caminhoneiros nesta quarta, dia 8.




Últimas Notícias