As picapes mais escolhidas na hora de comprar uma caminhonete

25/08/2021


Hoje em dia dirigir um carro desse tipo é ter a possibilidade de rodar tanto na cidade como na estrada



Se antigamente ter uma caminhonete era sinônimo de ter um veículo duro, os modelos atuais como o Toyota Hilux oferecem muito conforto além de tecnologia. Hoje em dia dirigir um carro desse tipo é ter a possibilidade de rodar tanto na cidade como na estrada. Ou seja, as picapes atuais permitem um uso urbano e de aventura pelos mais diversos tipos de terreno.

É fato: as picapes como a Hilux usada, aumentaram o número de vendas no que vai deste ano de 2021, se compararmos com o mesmo período do ano passado. Acontece que os consumidores já não olham para uma picape como uma caminhonete feita para o trabalho e somente para ele.

Hoje em dia as pessoas sabem que uma caminhonete Hilux, por exemplo, não é mais um veículo duro para dirigir e que oferece pouco conforto: atualmente um veículo desses é, além de muito confortável, bem mais seguro.

As mudanças nas caminhonetes

Acontece que as caminhonetes não são mais exclusivas para o trabalho no campo ou para o trabalho pesado. Hoje são muito procuradas pelos consumidores não só para trabalhar, mas para o dia a dia na cidade e para realizar viagens pelas estradas brasileiras.

Adquirir, por exemplo uma Toyota Hilux 4x4, significa ter a oportunidade de dirigir um veículo automático muito confortável, que tem tudo o que a nova tecnologia oferece, além de ser um veículo seguro, tanto no uso urbano quanto no uso nos diversos tipos de estradas.

O sucesso deste tipo de veículos é tal, que os números confirmam: segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), se no ano de 2019 a venda de veículos como o Hiluxcobria o 12% do mercado automotivo, este ano de 2021 representa quase um 18%.

Isso significa que no segmento das picapes houve, entre os anos de 2019 e 2021, um aumento de vendas de aproximadamente um 38%. Com certeza absoluta, as picapes são atualmente as queridinhas dos consumidores.

As picapes mais vendidas nos últimos meses

Evidentemente, as picapes já nãos são mais veículos exclusivos para o trabalho. Hoje em dia já são veículos escolhidos para viajar com conforto e segurança. Por conta disso, as picapes mais vendidas foram:

o Fiat Strada

o Fiat Toro

o Toyota Hilux

o Volkswagen Saveiro

o Chevrolet S10

o Ford Ranger

Com o número de emplacamentos, fica comprovado que as picapes lideram o ranking de veículos mais vendidos. Mas depois de uma boa pesquisa para posterior escolha e compra, por que razão estes veículos foram os mais vendidos?

Certamente não foi pelo Toyota Hilux preço ou pelo preço dos outros veículos, mas por diversos outros fatores.

Ø Fiat Strada: lidera o ranking de vendas por causa da reformulação que sofreu, contando agora com uma cabine dupla espaçosa e deixando de ser um veículo de trabalho para passar a ser um veículo versátil. Possui um belo design moderno e boa capacidade de carga.

Ø Fiat Toro: surgiu no ano de 2016 como picape de porte médio. Com um design mais esportivo, conquistou o coração dos consumidores pela facilidade de condução. É um veículo que pode ser usado tanto para o trabalho quanto para o lazer.

Ø Toyota Hilux: tendo sofrido uma renovação interessante, esta picape tem agora novo motor e mais acessórios com muita tecnologia avançada. Possui sistema de freio automático, uma grande proteção do cockpit e pacotes de sistema de segurança.

Na escolha deste tipo de veículos dá para perceber que houve uma mudança importante na faixa de idade dos consumidores. Se antigamente eram pessoas de idade mais ‘sênior’ as que escolhiam estes veículos, hoje em dia são, mais jovens.

Isso quer dizer que se antigamente estas picapes eram escolhidas por pessoas que precisavam um carro desses para o trabalho, hoje em dia a procura é mais familiar. As pessoas procuram um veículo que ofereça conforto, segurança e tecnologia avançada.

Evidentemente as picapes são as preferidas quando se trata de comprar um veículo desse porte, principalmente quando a intenção é trabalhar em zonas rurais e fazer viagens familiares.

Últimas Notícias