Barreira contra enchentes barra maré em Veneza

Autoridades municipais previam uma maré de 1,3 metros


Foto: Manuel Silvestri

Uma barreira contra inundações, cuja instalação foi adiada por muito tempo, protegeu Veneza da maré alta pela primeira vez neste sábado (3), trazendo alívio e sorrisos para a cidade após anos de repetidas enchentes.


"Hoje está tudo seco. Paramos o mar", disse o prefeito Luigi Brugnaro a repórteres após levantar uma taça para comemorar com alguns dos engenheiros e autoridades responsáveis ​​pelo projeto multibilionário conhecido como Mose.


A rede de 78 barreiras amarelas que guardam a entrada da lagoa veneziana se ergueu do fundo do mar quando a maré, impulsionada por fortes ventos e chuva, começou a subir.


Autoridades municipais previam uma maré de 1,3 metros, bem abaixo da maré devastadora de 1,87 metros que atingiu Veneza em novembro passado.


Prevendo o pior, os trabalhadores construíram passagens elevadas em lugares especialmente vulneráveis, incluindo a frequentemente lotada Praça de São Marcos. No evento, a maré atingiu apenas 70 cm, deixando as praças e caminhos da cidade ilesos.


Fonte: Agência Brasil

24 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest