João Arruda quer ampliar estruturas de defesa da mulher

O candidato do MDB começou a campanha com um vídeo na própria casa



Da cozinha de sua casa, no primeiro dia de campanha no domingo, João Arruda (MDB) gravou um vídeo e destacou que vai ampliar os programas de defesa da mulher, entre elas, a regionalização da Casa da Mulher, com extensão de unidades nos bairros de Curitiba. "Eu sou autor de um projeto chamado Lei Maria da Penha virtual, que foi aprovado e sancionado em lei, mais um marco na defesa da mulher", disse o candidato a prefeito.


João Arruda contou que apresentou o projeto de lei na Câmara dos Deputados depois que recebeu a denúncia de comunicadora em Maringá que teve fotos íntimas vazadas na internet por um ex-namorado. "Fizemos a lei e agora todo homem que fizer isso vai ser punido com rigor, inclusive dá prisão".


"No meio de uma pandemia e político fazendo carreata, passeata, gastando dinheiro. Minha campanha vai ser em casa, vai ser assim. Vou trazer vocês para conversar comigo nos ambientes que eu convivo com a minha família, onde recebemos nossos amigos e familiares", completou.

Últimas Notícias