banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Prefeitura suspende aulas presenciais em Curitiba até 31 de outubro

Determinação vale para escolas municipais



A Prefeitura de Curitiba prorrogou, na quinta-feira (24), a suspensão das aulas presenciais na rede municipal de ensino para até 31 de outubro. A decisão foi publicada em decreto e leva em consideração os riscos da pandemia do Coronavírus. A decisão vale para escolas, Centros Municipais de Atendimento Educacional Especializado e Centros de Educação Infantil.


De acordo com o boletim divulgado pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) na quinta-feira (24), Curitiba tem 36.488 casos confirmados de Covid-19 e 1.229 mortes.


Desde o dia 7 de setembro, a cidade está cumprindo o protocolo de medidas estabelecidas na bandeira laranja, que aponta alerta de risco médio para contaminação por Covid-19.


O decreto anterior suspendia as atividades presenciais até 30 de setembro. Esta é a quarta vez, desde o início da pandemia, que a suspensão das aulas na rede municipal é prorrogada.


Os estudantes estão com aulas presenciais suspensas desde o dia 23 de março. Em 13 de abril, a Secretaria Municipal de Educação iniciou a oferta de atividades remotas, por meio de videoaulas, transmitidas pela televisão e pela internet.


Segundo a prefeitura, cerca de 140 mil estudantes estão matriculados na rede municipal de ensino de Curitiba.

26 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest