banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Com expectativa para o final de 2020, viagens curtas devem aquecer o turismo brasileiro

O turismo no Brasil já começou a mostrar sinais de recuperação após a pandemia de covid-19, ainda mais com a chegada do final do ano


Foto: Divulgação

O turismo no Brasil já começou a mostrar sinais de recuperação após a pandemia de covid-19, ainda mais com a chegada do final do ano, que acontecerá nos próximos meses. Hotéis, agências e assinatura de viagem estão otimistas com relação aos resultados que virão.


Durante o pós-pandemia, por uma questão de facilidade e viabilidade, os destinos domésticos deverão prevalecer entre os roteiros de viagem dos brasileiros. Os viajantes, certamente, desejarão um destino mais próximo, que exija menos planejamento e deslocamento. Há, também, uma parte do público que buscará viajar para rever família e amigos.


80% dos brasileiros deverão viajar dentro do País no pós-pandemia


De acordo com a Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa), a cada 10 brasileiros que pretendem viajar até o Réveillon, 8 irão preferir destinos domésticos. Os dados da associação também indicam que 69% das operadoras já retomaram as vendas.


A entidade, que representa 90% das viagens de lazer vendidas no Brasil, afirma que até mesmo brasileiros habituados com viagens para fora do país deverão optar pelos destinos nacionais no período pós-pandemia.


Ministério do Turismo lança selo para mostrar comprometimento do setor hoteleiro


No dia 4 de junho de 2020, foi lançado o selo “Turismo Responsável – Limpo e Seguro”. A iniciativa é mais uma de um conjunto de ações encabeçadas pelo Ministério do Turismo, e já foi solicitada por mais de 12 mil prestadores que trabalham com serviços turísticos no Brasil. O selo visa mostrar ao público que as atividades estão sendo retomadas, levando em consideração todas as orientações sanitárias.


A ideia da iniciativa do selo é mostrar aos turistas que eles podem se sentir mais seguros em viajar no pós-pandemia, seja entre amigos, seja em família, frequentando locais que cumpram todas as especificações para prevenção contra o novo coronavírus.


O Ministério do Turismo também chama atenção para o sucesso que a iniciativa está alcançando, mostrando que o Brasil está seguindo um bom caminho na retomada das atividades do setor turístico, um dos mais afetados pela crise. O País está se posicionando para começar as viagens para destinos domésticos com segurança e de acordo com as novas necessidades e demandas que estão surgindo.


Brasileiros já podem planejar viagens por meio de assinatura de viagem


As expectativas para viagens durante o pós-pandemia, no final do ano, são grandes, tanto por parte de operadoras e assinatura de viagem quanto por parte dos viajantes que estão ansiosos para conhecer novos lugares ou revisitar algum lugar estimado.


Nesse cenário, a assinatura de viagem GO! facilita o planejamento com muito mais economia. Pela plataforma, é possível adquirir e-tickets de diárias de hotéis a partir de pagamentos mensais, que, posteriormente, serão consumidos em reservas em um dos mais de 350 hotéis conveniados na plataforma. Ainda que o viajante não tenha uma data exata para a viagem, contará sempre com sua reserva no menor custo, sem taxas de alta temporada.


Dessa forma, o viajante poderá escolher a data de partida e o destino quando quiser, sem ter que fechar um pacote com datas fixas e sem estar sujeito a multas de cancelamento em caso de desejar uma mudança de data, contanto que se respeite o prazo máximo de 15 dias antes da data da hospedagem.


Com o GO!, o cliente pode fazer escolhas com maior flexibilidade e planejar sua próxima viagem com muito mais economia, já que a assinatura de viagem não gera cobranças, burocracias ou transtornos.


https://www.coobrastur.com/go/

26 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest