Torcedores invadem treino do Figueirense e atiram rojões

Alguns jogadores cogitam deixar o clube



O estádio Orlando Scarpelli foi invadido na tarde deste sábado, por volta das 15h, por cerca de 30 torcedores do Figueirense com identificações da principal torcida organizada do clube. Há relato de que jogadores foram agredidos e, inclusive, cogitam pedir dispensa.


“Eu nunca vi nada igual a isso na minha carreira. Foi assustador. Eles (torcedores) não vieram numa boa para conversar, já chegaram querendo briga e atirando os rojões em direção aos nossos pés”, disse um jogador, que pediu para não ser identificado.


No momento da invasão, 34 jogadores estavam treinando. A assessoria de imprensa do Figueirense informou que houve feridos leves (sem dizer se foi jogador ou funcionário), mas que os mesmos foram tratados pelo departamento médico do clube.


O Figueirense emitiu nota oficial onde "repudia de forma veemente os lamentáveis fatos ocorridos" e afirma que "resultados esportivos ou problemas administrativos de qualquer natureza, não justificam qualquer tipo de atitude que ameace a integridade física dos atletas e profissionais de comissão técnica".

26 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest