Pesquisa aponta crescimento em buscas por viagens no Brasil

Levantamento da Expedia mostra que brasileiros estão retomando a confiança em viajar e destinos nacionais são os mais visados



Pesquisas de opinião apontam, de forma cada vez mais evidente, que o turismo no Brasil está voltando a decolar. Um levantamento realizado pela plataforma online Expedia constatou um aumento na busca por viagens no país para os meses de agosto a outubro deste ano. Dentre as cidades mais procuradas estão Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Gramado (RS), Campos do Jordão (SP) e Porto de Galinhas (PE).


De acordo com o estudo, durante o mês de julho de 2020, a pesquisa por viagens no Brasil para os meses de agosto a outubro teve um crescimento médio de 30% a cada semana. A semana do dia 20 foi a que mais se destacou, com alta de aproximadamente 50% comparado aos sete dias anteriores.


Os dados também revelam que o perfil atual do turista tende a buscar viagens de deslocamento mais curto e em períodos mais próximos, evitando planejamento a longo prazo. Considerando as consultas realizadas em julho, os meses de agosto a outubro deste ano tiveram uma procura 100% maior do que as buscas para os meses do verão de 2020/2021, considerado alta temporada.


Embora o mês de agosto tenha sido o mais cotado, também houve alta de quase 40% nas buscas por hotéis e pousadas em setembro e outubro. De toda a procura por hospedagens em destinos brasileiros, 75% foi realizada por viajantes domésticos. Dentre a demanda internacional, a pesquisa apontou que os norte-americanos são os mais interessados em visitar o Brasil.


ALTA NO TURISMO DOMÉSTICO – A agência de viagem Decolar também realizou um estudo com viajantes brasileiros para verificar os planos de viagens futuras. O levantamento avaliou a opinião de mais de mil usuários da plataforma online em maio de 2020 e o resultado mostrou que 57% dos entrevistados pretendem viajar pelo Brasil entre outubro e novembro deste ano. A região Nordeste desponta como a preferência de 42% deles, sendo Maceió (AL), Jericoacoara (CE) e Natal (RN) os destinos mais requisitados para o período.


PROTOCOLOS – Para uma retomada gradual e segura das atividades, o setor anunciou vários protocolos de segurança, como o selo “Turismo Responsável - Limpo e Seguro” do Ministério do Turismo. A criação do selo de boas práticas em questões associadas à biossegurança é a primeira etapa do Plano de Retomada do Turismo Brasileiro, coordenado pelo MTur .


Para adquirir o selo, o interessado deve acessar o site da iniciativa, ler as orientações previstas no protocolo destinado ao segmento em que atua e estar com situação regular no Cadastur. Em caso positivo, ele adere à autodeclaração que atende aos pré-requisitos determinados e é encaminhado para uma área do site onde pode realizar o download do selo para impressão.


O selo, que é totalmente gratuito, deverá ser colado em local de fácil acesso ao cliente e conterá um QR Code pelo qual o turista poderá consultar as medidas adotadas por aquele empreendimento e/ou profissional. Além disso, possibilitará a realização de denúncias em caso de descumprimento, o que poderá resultar em revogação do selo.


Estão disponíveis protocolos para: Meios de Hospedagem; Agências de Turismo; Transportadoras Turísticas; Organizadoras de Eventos; Parques Temáticos; Acampamentos Turísticos; Restaurantes, Cafeterias, Bares e similares; Parques Temáticos Aquáticos; Locadoras de veículos para turistas e Guias de Turismo, entre outros.


Fonte: Ministério do Turismo

29 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest