banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Temperatura no Vale da Morte é a maior em 100 anos

Informação é do Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos



Um termômetro em Furnace Creek, no Vale da Morte, sul da Califórnia, subiu para 54,4ºC, a maior temperatura global em mais de um século, informou o Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos (NWS).


"Se confirmada, essa será a temperatura mais quente oficialmente registrada desde julho de 1913", afirmou o NWS Las Vegas, dono do sistema de observação automatizado, sobre a leitura feita no domingo (16), lembrando que o dado era preliminar.


Devido à sua relevância, o índice precisará passar por uma revisão formal antes de ser confirmado, informou a instituição no Twitter, vinculando a publicação a um comunicado do NWS.


A estação meteorológica automatizada do NWS, perto do centro de visitantes de Furnace Creek, atingiu o ponto máximo às 15h41, horário local.


O recorde histórico no Vale da Morte, de acordo com a Organização Meteorológica Mundial (OMM), é de 56,7°C, registrado em 10 de julho de 1913 em Greenland Ranch. Essa leitura é a mais quente já verificada na superfície do planeta, de acordo com a OMM.


Fonte: Agência Brasil

5 de dezembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest