Coxa perde para o Bahia em Pituaçu

Alviverde sofreu a segunda derrota seguida no Brasileiro



Com gol de Rodriguinho, cobrando pênalti, o Bahia estreou com vitória no Campeonato Brasileiro e bateu o Coritiba por 1 a 0 no Estádio de Pituaçu, em Salvador, nesta quarta-feira, pela segunda rodada.


Como disputou a final do Campeonato Baiano, o Bahia não estreou no fim de semana, assim como a maioria dos times do Brasileirão, e só fez seu primeiro jogo nesta quarta-feira. Já o Coritiba estreou com derrota por 1 a 0 para o Internacional e agora conheceu seu segundo revés na competição e segue sem pontuar.


O jogo começou equilibrado e sem muitos lances de perigo na primeira etapa. O Coritiba até tinha mais posse de bola, mas era o Bahia que chegava com mais perigo ao campo de ataque.


Aos 39 minutos, Rodriguinho foi derrubado dentro da área por Sassá e o árbitro carioca Bruno Arleu de Araújo consultou o VAR para marcar pênalti. O próprio Rodriguinho cobrou com cavadinha e abriu o placar.


O visitante teve de sair mais para o ataque na segunda etapa e buscou o gol como pôde. William Matheus até teve uma boa chance, completando de cabeça o cruzamento de Yan Sasse em escanteio, mas acabou mandando para fora.


O Bahia também teve chances de ‘matar’ o jogo, especialmente com o atacante Saldanha, que saiu de frente para o gol em contragolpe, mas bateu para fora.


Sem mais lances de perigo, o jogo terminou com vitória do Bahia, garantindo os primeiros pontos do time de Roger Machado no Brasileirão.


O Coritiba volta a campo no próximo sábado, quando recebe o Flamengo no Couto Pereira, em Curitiba, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. No domingo, o Bahia enfrenta o Red Bull Bragantino em mais um jogo em Pituaçu.

25 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest