banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Estudantes do Ensino Médio desenvolvem ações para apoiar famílias de Paiçandu

Campanhas arrecadam alimentos e recursos durante a pandemia



Sensibilizada com a necessidade de tantas famílias, a aluna Maria Paula Lopes, da 2ª série do Ensino Médio, teve a iniciativa de produzir brownies para venda e reverter o dinheiro arrecadado em 31 cestas de alimentos para doação. Ela, que afirma nem saber cozinhar, sentiu que deveria fazer algo para ajudar a quem precisa durante esse momento desafiador que está sendo a pandemia. “É muito triste ver tanto sofrimento e não fazer nada. Por isso decidi fazer brownies em casa e vender para arrecadar verba e comprar cestas básicas”, explica. A doação acontece no final de julho e em breve a estudante vai retomar a produção. “Muita gente tem pedido para comprar o brownie, então vou continuar com a produção e ajudar ainda mais pessoas”, revela.


Outros alunos também fizeram doações espontâneas, cestas e confecção de máscaras para a venda e todos os valores serão revertidos para as famílias em situação de vulnerabilidade. O momento reforça a importância de uma educação voltada para a solidariedade, afirma o coordenador da Pastoral do Colégio Marista de Maringá, Mauricio Eduardo Benz. “O Colégio Marista tem por princípio a educação para solidariedade, em momentos como o que estamos vivendo é que os valores e a sensibilidade dos nossos alunos ganham luz. Mais que alunos preparados para provas, estamos formando cidadãos capazes de atuar no mundo e de encarar os desafios com empatia”, analisa.


Fonte: Rede Marista

26 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest