MP arquiva inquérito sobre tentativa de extorsão contra ex-BBB

Diego Alemão acusou três homens de exigir dinheiro para não divulgar imagens



O Ministério Público do Paraná (MP-PR) arquivou, na sexta-feira (24), o inquérito sobre a suspeita de tentativa de extorsão contra o ex-BBB Diego Gasquez, conhecido como Diego Alemão.


Três homens eram suspeitos de tentar extorquir Diego. Eles teriam imagens de um acidente de trânsito em que o ex-BBB se envolveu em Curitiba, no dia 18 de abril, e teriam cobrado para não divulgar as imagens. O autor do vídeo e mais dois advogados chegaram a ser presos pela Polícia Civil e indiciados no dia 3 de julho pelos crimes de extorsão, associação criminosa e fraude processual.


Daniel Alves, testemunha que gravou os vídeos da prisão de Diego, e os advogados Maurício Tesserolli e Walter Fontes foram presos suspeitos de tentar extorquir dinheiro do ex-BBB, além da oferta de testemunhar a favor de Alemão.


Para o MP-PR não ficou comprovado a tentativa de extorsão nem de associação criminosa. No entanto, o crime de fraude processual continua a ser apurada.

27 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest