Campeonato Catarinense volta no dia 28, com novo protocolo de saúde

Federação paralisou o torneio após casos de covid-19 na Chapecoense



A Federação Catarinense de Futebol (FCF) anunciou nesta quarta-feira (15) as novas datas e horários para os jogos de volta das quartas de final da primeira divisão (Série A) do Campeonato Catarinense. As partidas, inicialmente marcadas para o último fim de semana, foram suspensas após o Governo de Santa Catarina revelar que um dos times do mata-mata, a Chapecoense, teve 14 profissionais do futebol infectados pelo novo coronavírus (covid-19).


O Estadual será retomado no próximo dia 28, uma terça-feira. Em Itajaí (SC), às 18h30 (de Brasília), o Marcílio Dias receberá o Criciúma. No jogo de ida, as equipes empataram sem gols. Já às 21h (de Brasília), o Juventus medirá forças com o Figueirense em Florianópolis. O Figueira tem a vantagem do empate, já que venceu em Jaraguá do Sul (SC) por 2 a 1.


A sequência das quartas de final será no dia 29: às 19h (de Brasília), o Brusque jogará em casa com o Joinville, após vencer o rival como visitante por 1 a 0; às 21h (de Brasília), Avaí e Chapecoense se enfrentam na capital catarinense, com vantagem para o time do interior, que venceu em Chapecó (SC) por 2 a 0 - a revelação sobre os infectados da Chape se deu na última sexta-feira (11), dois dias após a partida.


Na última segunda-feira (13), o Verdão do Oeste promoveu uma nova bateria de testes da covid-19 em elenco e funcionários. Segundo o médico da Chapecoense, Fabiano Winckler, foi a sétima bateria desde a volta aos treinos. "Achamos necessário que todos os atletas envolvidos neste momento, e que estão negativos, fossem testados novamente. Eles testaram na terça-feira da semana passada (7) e já se passou um semana. Vamos continuar o monitoramento diariamente, tanto dos positivos quanto dos negativos", afirmou, em entrevista coletiva.


Segundo nota da Associação de Clubes de Futebol Profissional de Santa Catarina (SC Clubes), uma videoconferência na terça-feira (14), que reuniu a entidade, clubes, FCF e Vigilância Sanitária do Estado, definiu que atletas assintomáticos e negativados em testes para o novo coronavírus poderiam retomar as atividades com bola. Além disso, um profissional da saúde de cada time preencherá um inquérito clínico diário e o enviará à federação, que o mandará à Secretaria Estadual de Saúde. Por fim, um novo protocolo de saúde deverá ser concluído até sexta-feira (17).


Em comunicado divulgado pelo Avaí, o médico do clube, Luís Fernando Funchal, disse ser importante organizar a condução de casos positivos assintomáticos da covid-19: "Fazer toda uma organização em que os clubes, como a Federação, a Secretaria da Saúde e a sociedade, cheguem a um consenso sobre como é a melhor modelagem. Vamos realizar treinamentos em grupos menores e a realização dos testes antes dos jogos".


Conforme a FCF, as partidas entre Tubarão e Concórdia, que definem a equipe rebaixada à segunda divisão do Estadual, ainda não têm nova data. O jogo de ida teria sido realizado na terça-feira. Em nota, a Federação informou que "oportunamente será divulgado o calendário do confronto do rebaixamento".


Fonte: EBC

21 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest