banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

RMC pode ter lockdown se Covid-19 não desacelerar

Alerta partiu do presidente da Associação dos Municípios



Os municípios da Região Metropolitana de Curitiba podem entrar em lockdown se as medidas de restrição em vigência não surtirem efeito para desacelerar o contágio pelo novo Coronavírus. O alerta partiu do presidente da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), Márcio Wozniak, também prefeito de Fazenda Rio Grande.


"É importante todos nós nos conscientizarmos agora para que o frio que chegou não seja um aliado do Coronavírus, para evitar o lockdown que pode acontecer, sim, se as medidas não surtirem efeito", afirmou Wozniak. Segundo ele, uma reunião será realizada hoje entre os prefeitos da região metropolitana e o Governo do Paraná para avaliar os resultados e, se necessário, propor ajustes. Ainda de acordo com Wozniak, se o fechamento total for adotado, será por pelo menos duas semanas. "Um protocolo de lockdown não é de um dia, dois dias, é de praticamente 14 dias", afirmou.


O boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado no sábado (27) apontou que os municípios da Região Metropolitana, à exceção de Curitiba, têm 2,8 mil casos confirmados de Covid-19 e 95 mortes registradas.

29 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest