Covid-19: Alemanha sofre para conter infecções locais

A Alemanha tem sido considerada uma história de sucesso na Europa em termos de conter o novo coronavírus.

Autoridades das regiões alemãs de Goettingen e Renânia do Norte-Vestfália pediram que a polícia aplique medidas de quarentena, depois de um aumento em infecções locais pelo novo coronavírus e problemas para fazer as pessoas aderirem às regras de isolamento.


Autoridades sanitárias precisaram da polícia para manter condições de isolamento em um bloco de apartamentos em Goettingen, depois de um tumulto, no sábado (20), onde cerca de 700 pessoas estavam em quarentena.


“Aproximadamente 200 pessoas tentaram sair, mas 500 cumpriram as regras de quarentena”, disse o chefe de polícia de Goettingen, Uwe Lührig, em entrevista coletiva nesse domingo (21)..


As brigas deixaram oito policiais feridos, após moradores tentarem atacar oficiais com garrafas, fogos de artifícios e barras de metal, disse Lührig.


Policiais da Renânia do Norte-Vestfália forçaram 6.500 funcionários e suas famílias a cumprirem quarentena, depois de mais de mil funcionários da empresa de processamento de carne Toennies testarem positivo para o novo coronavírus.


Armin Laschet, premiê do estado da Renânia Norte-Vestfália convocou oficiais consulares da Polônia, Bulgária e Romênia para mobilizar tradutores a fim de persuadir funcionários de uma fábrica local de processamento de carne a cumprirem o novo isolamento.


“Há 1.300 propriedades onde moram funcionários e suas famílias e onde precisamos cumprir as regras da quarentena”, disse Laschet, explicando que a polícia local e oficiais públicos estavam ajudando.


A Alemanha tem sido considerada uma história de sucesso na Europa em termos de conter o novo coronavírus, mas as infecções estão crescendo novamente.


A taxa de propagação de infecções pelo vírus no país pulou para 2,88, baseada em uma média de quatro dias, disse o Instituto Robert Koch (RKI) de saude pública, muito acima do nível necessário para conter a pandemia em longo prazo.


No total, o país relatou 189.822 infecções confirmadas por laboratório e 8.882 mortes por covid-19, acrescentou o instituto.


*EBC

28 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest