Projeto das fake news precisa estar bem organizado entre Câmara e Senado para eventual veto

O tema tem ganhado força tendo como pano de fundo da investigação do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre possível associação criminosa.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu nesta quarta-feira que deputados e senadores produzam um texto afinado entre as duas Casas sobre as chamadas fake news de forma a derrubar eventual veto presidencial à proposta.


O Senado tenta votar projeto que cria a Lei das Fake News, mas sua votação, prevista para a última terça-feira, foi adiada para a próxima semana.


O tema tem ganhado força tendo como pano de fundo da investigação do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre possível associação criminosa de disseminação de notícias falsas, contando, inclusive, com o financiamento de empresários. As investigações resultaram em operação, na semana passada, que incluiu busca e apreensão de computadores, celulares e tablets de empresários e ativistas digitais ligados ao bolsonarismo, acusados de produzirem e financiarem notícias falsas.


Fonte: Reuters

22 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest