Rosto da Cidade favorece ação rápida contra o vandalismo

A secretária Marilza Oliveira Dias destacou a rapidez da recomposição da paisagem como um dos grandes símbolos do programa Rosto da Cidade.

Menos 24 horas depois de verificada uma nova pichação na coluna votiva da Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, monumento na região Central em homenagem à padroeira de Curitiba, equipes da Secretaria Municipal do Meio Ambiente fizeram a limpeza do local.


A secretária Marilza Oliveira Dias destacou a rapidez da recomposição da paisagem como um dos grandes símbolos do programa Rosto da Cidade, que consiste na limpeza, pintura e aplicação de resina antipichação em imóveis tombados e monumentos históricos.


“Sem o produto protetor de superfície, ações de vandalismo demandavam dias para limpeza e exigiam, frequentemente, uma nova pintura”, lembrou. “Com esse programa, idealizado pelo prefeito Rafael Greca, conseguimos mudar a realidade da região Central”, disse Marilza.


O Rosto da Cidade já concluiu benfeitorias em 24 imóveis públicos e 67 particulares. Hoje, quatro imóveis privados estão em execução. A atuação em imóveis particulares é permitida após aprovação de um projeto do Executivo na Câmara Municipal de Curitiba.


Com seis etapas, o programa é desenvolvido em conjunto pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Fundação Cultural de Curitiba (FCC) e secretarias municipais do Meio Ambiente e de Obras Públicas. Atualmente são seis projetos em execução.


Também fazem parte das intervenções melhorias na iluminação pública, mobilidade e acessibilidade.

25 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest