banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Araucária: Saúde orienta empresas sobre plano de contingência para prevenir o novo Coronavírus

A Secretaria Municipal de Saúde de Araucária (SMSA) publicou orientações para empresas sobre a elaboração de plano de contingência com objetivo de prevenir o novo Coronavírus (Covid-19)



O documento relata uma série de instruções para o reforço da higiene, ações para evitar aglomerações e como agir em caso de trabalhadores com sintomas suspeitos. A publicação é recomendada para empresas e indústrias com mais de 50 funcionários, mas as orientações são importantes para estabelecimentos de todos os portes.


Entre as recomendações gerais estão: adotar um sistema de escalas de trabalho para reduzir “fluxos, contatos, aglomerações e o número de trabalhadores por turno (incluindo o não contato de trabalhadores de turnos diferentes)”. Isso inclui cuidados com acesso aos vestiários, horários de refeições, pausas térmicas e psicofisiológicas. A publicação ressalta a importância de garantir a distância de, no mínimo, 1,5 metro entre os trabalhadores nos postos de trabalho e nas áreas de circulação e convivência.


As empresas devem proibir o compartilhamento de equipamentos de diversos tipos de equipamentos como: aparelhos de telefone, rádios, cronômetros, cinturões de segurança e máscaras faciais. Há também a indicação para a higienização frequente de espaços de grande circulação de pessoas, superfícies de toque (catracas, cadeiras, maçanetas, portas, corrimão, apoios em geral), equipamentos de proteção individual e ferramentas. Os ambientes devem ser ventilados e com renovação de ar natural ou artificial durante toda a jornada de trabalho.


SINTOMAS – A orientação especificamente voltada para áreas de engenharia de segurança e medicina do trabalho ou serviços de medicina do Trabalho/setor de recursos humanos prevê que a empresa deve disponibilizar máscara cirúrgica, de forma imediata, aos trabalhadores que apresentem sinais e sintomas. Além disso, deve verificar em seus trabalhadores, terceiros e visitantes se há sintomas compatíveis com síndrome gripal (febre, tosse, coriza, dor de garganta e dificuldade respiratória); questionar sobre contato direto com casos suspeitos ou confirmados da doença; e realizar o controle da temperatura por meio de termômetro a laser. A empresa deve notificar imediatamente todos os casos suspeitos ou confirmados de Covid-19 para a Secretaria Municipal de Saúde e para a Vigilância Epidemiológica Municipal.


É preciso ainda garantir o imediato afastamento do trabalho (sem prejuízo da remuneração) do trabalhador que tenha relação muito próxima a casos suspeitos até realização de exame específico para confirmação do vírus ou por 14 dias do início dos sintomas. A empresa deve também monitorar diariamente a condição de saúde dos trabalhadores que foram afastados do trabalho por suspeita de COVID-19. Trabalhador que apresente sinais e sintomas de síndrome gripal (bem como seus contatos domiciliares) devem ficar em isolamento domiciliar.


A orientação destaca também a importância de elaborar e divulgar materiais informativos sobre as medidas de prevenção, sintomas suspeitos e outros detalhes sobre o novo Coronavírus no interior do estabelecimento, durante o transporte e em áreas de convivência.


Fonte: Prefeitura de Araucária

3 de dezembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest