banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Marina Ruy Barbosa faz apelo a autoridades e afirma: 'Não carrego essa dor'

Marina Ruy Barbosa escreveu um textão em sua rede social para pedir que as autoridades responsáveis revejam a decisão de manter a data do Enem.

Marina Ruy Barbosa pediu que as autoridades responsáveis adiassem as provas do Enem, marcadas para novembro deste ano, e justificou dizendo que por causa da pandemia do Coronavírus muitos não estão conseguindo estudar. No texto a atriz fez questão de assumir seus privilégios, mas garantiu: 'Não posso falar o que todas essas pessoas sentem, vivem e enfrentam. Não carrego essa dor comigo. Tenho essa consciência. Mas dar voz a essas pessoas, a essas lutas é possível sim'.


Marina Ruy Barbosa escreveu um textão em sua rede social para pedir que as autoridades responsáveis revejam a decisão de manter a data do Enem, marcado para novembro deste ano, apesar da pandemia pelo Coronavírus ter suspendido as aulas presenciais. "A pandemia tá aí, jogando na nossa cara, com ainda mais força, as diferenças sociais, econômicas. E não vamos nos iludir. Quando isso tudo passar (porque vai passar!), essa distância social tende a aumentar. A discussão em torno do Enem só evidencia que aquela máxima 'se esforça, você consegue' é uma ilusão. Que tristeza ver tanta gente tão distante do mínimo necessário para ter saúde, do mínimo necessário pra estudar", escreveu a atriz, que quer voltar às novelas platinada e na pele de uma vilã.


'NÃO SEI O QUE É PASSAR FOME', ASSUME MARINA RUY BARBOSA


A mulher de Xandinho Negrão justificou sua decisão ao fazer o apelo afirmando que apesar de não estar na pele das pessoas prejudicadas pela falta de ensino, acha importante dar voz a essa luta. "Nunca desconfiaram de mim por causa da cor da minha pele. Jamais precisei mentir sobre a minha sexualidade. Não sei o que é passar fome. Não sei o que é me privar de estudar para trabalhar. Por isso, não posso falar o que todas essas pessoas sentem, vivem e enfrentam. Não carrego essa dor comigo. Não posso falar por elas. Tenho essa consciência. Mas dar voz a essas pessoas, a essas lutas é possível sim. Está ao meu alcance, ao nosso alcance e essa necessidade é urgente", explicou a ruiva, que está morando temporariamente com o marido nos Estados Unidos, mas assumiu estar sentindo falta dos pais, que estão no Brasil.


MAISA E MAIS FAMOSOS APOIARAM MARINA RUY BARBOSA


Marina, que durante esta quarentena adotou mais uma gatinha, terminou sua publicação explicando mais uma vez os motivos pelos quais decidiu se manifestar sobre o assunto. "Mais uma vez digo, essa realidade nunca me pertenceu. Mas me sensibilizar com isso e tentar, do jeito que sou capaz, a ajudar a modificar essa situação tem se tornado cada vez mais importante pra mim. A sobrevivência, inclusive mental, precisa estar acima de qualquer calendário", disse, ganhando o apoio de famosos como Maisa Silva, Mariana Ximenes, Bela Gil e Sophia Abrahão.


MARINA RUY BARBOSA TENTA SEGUIR DIETA VEGETARIANA


A artista contou em recente conversa com seus seguidores que tem tentado parar de comer carne vermelha, peixe e frango. "Estou no processo de me tornar vegetariana. No processo. Mas, às vezes, dá uma recaída", explicou. E contou que o isolamento social tem mexido bastante com o seu humor: "Tem dia que estou acordando superbem e fazendo um monte de coisa. Mas outros que eu acordo angustiada e não quero fazer nada. Mas por exemplo dieta e exercício eu não estou fazendo mais. Desisti por enquanto".


Fonte: Purepeople

4 de dezembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest