TSE: mais de 1 milhão de eleitores regularizaram pendências

A partir de agora, nenhuma alteração no cadastro será permitida



O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que 1.040.323 eleitores solicitaram a regularização de pendências com a Justiça Eleitoral antes do prazo estabelecido, encerrado na quarta-feira (6). A partir de agora, nenhuma alteração no cadastro eleitoral será permitida antes das eleições de outubro, quando serão eleitos prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do país.


Segundo o TSE, os pedidos de regularização feitos pelo site do tribunal serão analisados até o dia 3 de junho, quando será divulgado o número de eleitores aptos a votar no pleito deste ano. Os pedidos envolvem solicitações de quem deseja mudar o local de votação, domicílio eleitoral, regularizar título cancelado, fazer alterações de dados pessoais e pelos jovens de 16 anos que vão votar pela primeira vez e querem solicitar o documento.


Devido ao fechamento dos cartórios eleitorais por causa da covid-19, o TSE permitiu a regularização eletrônica do documento. As consequências da pandemia também levaram o tribunal a suspender o cancelamento de 4,4 milhões de títulos de eleitores faltosos nas últimas eleições.


Fonte: Agência Brasil de Notícia

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

17 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest