Projeto Tudo pela Vida amplia doação de máscaras

Iniciativa de empresários está funcionando há um mês



Criado há menos de um mês por empresários e voluntários, para ajudar as pessoas envolvidas no combate à pandemia do Coronavírus, o Projeto Tudo pela Vida, continua em franca expansão, distribuindo máscaras e outros equipamentos, confeccionados a partir da doação de tecidos e produção de mais de 50 costureiras voluntárias, em Curitiba e na Região Metropolitana.


Durante esta semana, mais de 3 mil máscaras foram doadas a várias entidades públicas e particulares e ainda mil fraldas geriátricas, 500 metros de elástico e 50 kg de filamento (material utilizado para a confecção de máscaras em 3D) . Segundo um dos coordenadores do Projeto Tudo Pela Vida, o advogado Renato Barroso, a adesão cada vez maior de voluntários está criando uma rede de apoio que cresce a cada dia, permitindo ampliar o volume de doações e, com isso, um maior número de pessoas beneficiadas.


SOLIDARIEDADE EM DESTAQUE

Na 2ª feira, a instituição beneficiada foi a Unidade de Saúde Bom Pastor, da Prefeitura Municipal de Curitiba, onde a enfermeira Silvana Ribeiro recebeu um lote de 40 máscaras para os atendentes da área de saúde que estão mais propensos ao vírus, pela exposição no atendimento às pessoas.


Na 3ª feira, foi a vez da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, receber um kit de filamentos doados para a produção de máscaras feitas em impressoras 3D. O professor da UTFPR, Neri Volpato, recebeu o equipamento e destacou o alcance do Projeto com a distribuição de materiais para impedir a propagação do vírus.


Na 4ª feira, a coordenadora do setor de Suprimentos do Hospital Cajuru, Gisele Linhares, recebeu um lote de 1.000 fraldas geriátricas do Projeto Tudo Pela Vida, agradecendo a possibilidade de atender pessoas carentes, com essa doação.


Na 5ª feira, dia 2, foi a vez da Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis (ACARFS), ser beneficiada. O presidente da entidade que tem 900 associados, Aparecido de Jesus dos Santos, recebeu 400 máscaras para distribuir àqueles que trabalham no Projeto Eco Cidadão, na localidade de Campo Magro, numa exposição insalubre com parte do lixo que é colhido em Curitiba e RMC. O dirigente agradeceu a doação e lembrou o benefício com o uso das máscaras pelos trabalhadores que estão diariamente em contato com materiais de todo tipo, na Usina.


Renato Barroso informa que os interessados em participar do Projeto Tudo Pela Vida podem acessar o Instagram @Tudopelavidacwb e obter informações sobre funcionamento e procedimentos.


Finalizando, Barroso lembra que, "nesta época de Coronavírus, a sociedade deve ajudar a disseminar a solidariedade numa velocidade maior que o risco dessa epidemia que esperamos passe logo".

26 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest