Deputado quer fábrica de veículos elétricos da Tesla no Paraná

O deputado Luiz Fernando Guerra solicitou providências e a necessidade de uma estratégia de atração para esse investimento

Crédito: Orlando Kissner

Para garantir a viabilidade e o interesse da montadora americana Tesla no estado do Paraná, o deputado Luiz Fernando Guerra (PSL) apresentou um requerimento endereçado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo – Sedest, órgão ao qual está vinculada a Agência InvestParaná (ex Agência Paraná Desenvolvimento – APD), responsável pela coordenação do Programa Paraná Competitivo, um dos principais atrativos para investimentos do Paraná.


O deputado solicita providências urgentes e a necessidade de uma estratégia de atração desse investimento que deverá encaminhada para ciência dos órgãos do Governo Federal envolvidos com a viagem oficial do presidente da República aos Estados Unidos.


A fim de assegurar a geração de emprego e renda com a implantação dessa unidade automobilística no Paraná, o expediente endereçado ao Secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, solicita informações sobre as reais e possíveis condições para oferta de incentivos fiscais com o objetivo de atrair para o Paraná a implantação de uma unidade fabril da montadora de carros 100% elétricos, TESLA, empresa automotiva e de armazenamento de energia norte americana, que desenvolve, produz e vende automóveis elétricos de alto desempenho, componentes para motores e transmissões para veículos elétricos e produtos à base de baterias.


O deputado Luiz Fernando Guerra destaca no documento que é público e notório a divulgação oficial por parte do presidente Jair Bolsonaro que durante a sua terceira viagem aos Estados Unidos, incluirá dentre seus compromissos, uma visita com a intenção de abrir negociações para trazer ao Brasil uma fábrica da TESLA, a montadora de carros elétricos.


O deputado Guerra quer que a Assembleia Legislativa seja informada sobre quais as condições e benefícios que o Governo do Paraná poderá oferecer via Programa Paraná Competitivo, capazes de inserir o Paraná dentre os estados capazes de despertar o interesse empresarial dos executivos da TESLA.


Guerra alega que é importante destacar, ainda, que apesar da atuação principal da empresa estar direcionada na fabricação e distribuição de automóveis elétricos, com a Tesla Motors, a companhia também atua em projetos de sustentabilidade envolvendo armazenamento de energia e a confecção de painéis solares, bem como na comercialização de componentes elétricos como baterias industriais de lítio-íon.


Na justificativa do requerimento foi destacado que o governador Carlos Massa Ratinho Junior sancionou a lei que zera a alíquota do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de veículos elétricos até 31 de dezembro de 2022, com o específico objetivo de incentivar o uso de automóveis movidos à energia elétrica, que conferem maior eficiência e menor consumo em comparação àqueles movidos à combustão e também a Lei 19.982, que cria o Dia Estadual da Eletromobilidade.


O Estado já conta com políticas de incentivo e a maior eletrovia do país, que corta o estado de Leste a Oeste via BR-277.


Fonte: Assembleia Legislativa do Paraná.

28 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest